O.M. AÏVANHOV (ao Vivo) - 13 de Abril de 2020


Áudio Original :

https://apotheose.live/blog/2020/04/13/o-m-aivanhov-en-direct-dimanche-13-avril-2020/




E bem, queridos amigos, eu estou extremamente contente em vos reencontrar, após estas semanas de repouso, que vocês tiveram. E eu volto para vocês e vos envio todas as minhas bênçãos. 

Como da última vez, não haverá perguntas, mas eu vou tentar elaborar, se posso dizer assim, de alguma forma, um quadro interior e exterior disso que se vive, evidentemente sem entrar em todas as interrogações que vocês possam ter em relação a todos estes eventos que se produzem em vocês, como no exterior de vocês, a nível individual, societal, coletivo, planetário que concerne a toda a terra, toda a humanidade e, bem certo, aos que se interessam pelos céus, não somente sobre essa terra, mas de todo o lado.

Porque há uma só resposta a todos as suas questões, que é a revelação completa, isso quer dizer, a iluminação completa de tudo o que lhes era desconhecido, mascarado, escondido ou ainda não vivido e atravessado. E isso diz respeito a vocês individualmente, no que ainda têm para viver, nesta espécie de intimidade, aí onde você se encontra, mas também ao nível da humanidade inteira, eu diria, a nível societal.

Então, bem certo, tudo isto é acompanhado, se vocês estão interessados, da cena teatral, mas também ao que se passa dentro de vocês, pelas manifestações elementais, como nós havíamos dito, que são mais e mais intensas, mais e mais recorrentes.

Eu os lembro também de uma grande frase, uma grande afirmação que nós tínhamos entregue, uns e outros,  aliás desde numerosos anos, que é “quanto mais o caos cresce, mais a claridade da Luz chega”, às vezes revelando o casulo da satisfação pessoal em que vocês se encontram,  e colocam aqueles que aceitam de alguma forma mais e mais facilmente, no mínimo em paz e no máximo nessa alegria inefável de Agapè, ou seja em seu reencontro.

E não existem circunstâncias melhores do que essas que vocês atravessam, ainda uma vez, e não somente de acordo com sua situação familiar, afetiva, profissional, financeira, mas todos os setores de sua vida individual, essas são necessariamente as mais adaptadas, não para seu bem-estar, não para a perpetuação do sonho, mas ao seu despertar, de toda a forma possível. Portanto, bem evidentemente, o que se desenrola sobre a cena do espetáculo do mundo, lhes dá a ver, bem certo, os elementos, como eu lhes disse na última vez, que podem confortar qualquer ponto de vista.

Se for o ponto de vista dos meninos maus, o plano se desenrola à perfeição. Se for o ponto de vista do Absoluto, o plano se desenrola independentemente de você. Se for esse o ponto de vista destes que creem ser combatentes da luz, eles vão afirmar que a vitória está aí. E assim por diante, ou seja, que cada um, diante da mesma cena do teatro, vê exatamente, eu diria, o meio-dia à sua porta.

E assim, desta forma, é o mais justo, se eu puder dizer, que a mesma cena, como diz Abba, é ao mesmo tempo o simulacro e o sagrado, que se juntam na mesma incongruência, na mesma inexistência, na mesma perenidade, que dizer, cede espaço, de todas as formas possíveis, a esta Paz que vocês são em verdade, quando não são mais do que esta forma de manifestação, de exteriorização no seio deste mundo dissociado, mas também é válido, eu os lembro, para nós todos, no seio de qualquer dimensão que seja.

Bem certo, os anticristos chegaram, a Matriz Crística está aí, vocês já sabem disso há uns dois anos, mas agora ela está totalmente instalada, está totalmente disponível para todos, a partir do momento em que vocês fazem a Paz primeiramente com vocês mesmo, com sua vida, com este mundo, qualquer que seja o espetáculo. Com este espetáculo vocês vão descobrir os horrores deste mundo, mas também as alegrias, estando com vocês mesmos e serão levados a descobrir talvez, eu diria, alguns potenciais de interesses.

Mas em todo o caso o que se desenrola atualmente coloca vocês bem exatamente para além desta cena de teatro, em relação e em ressonância, eu espero, com o que vocês são em verdade, e todos em cada um, porque existe apenas Um e porque não há ninguém.

Essa é uma excelente, eu diria, oportunidade, mas eu diria também, para além de oportunidade, a última chance de lembrar quem vocês são verdadeiramente, afim de que essa criação, sem sequer mencionar além desta Terra, se dê conta realmente dessa ilusão, desse jogo da consciência e faça vocês viverem essa Verdade Nua e Absoluta, que não dependa nem de seu personagem, nem da cena do teatro do mundo, nem de seu estado de humor, nem de seus pensamentos, nem das suas crenças, mas unicamente, eu direi, do instante presente.

Abba insistiu bem longamente, não apenas sobre a força do instante presente ou da realidade do instante presente, mas que é neste nível que vocês podem se reconhecer, eu diria, o mais instantaneamente possível e o mais diretamente possível. E é exatamente o que vocês vivem a nível individual, que os leva a realizar e sobretudo a conscientizar no início, e em seguida viver em totalidade para encontrarem-se, além de qualquer forma, de toda ilusão, e de todos os cenários que são dados à vocês verem, na tela deste mundo.

Então, é claro, seu posicionamento em relação a isso, vai encontrar alguns ecos. Alguns entre vocês aproveitam para ficar tranquilos, se ocupam do jardim, da casa, cuidam dos seus filhos, de suas vendas, de seu amor, ou de seus inimigos, se houver algo a resolver, se vocês estiverem no mesmo lugar.

Mas além de tudo o que está em jogo, lembrem-se que do instante em que vocês aceitam serem atravessados pelas circunstâncias, mesmo as mais terríveis, que são reveladas em relação a vocês mesmos, em relação ao seu ambiente, em relação à humanidade, toda a coletividade humana, vocês têm muito mais chances de descobrir sua verdade última, que não depende da cena do teatro e que, no entanto, dentro do caos desta sociedade, envia-os inexoravelmente de volta a essa alegria.

E nós sempre lhes dissemos que quanto mais o caos crescesse, mais sua alegria e a descoberta de vocês mesmos seria facilitada.  É exatamente assim. Agora, é claro que vocês se colocam questões, sobre as quais eu já tinha falado no Peru, em relação a esta espécie de quarentena, não sei como vocês nomeiam exatamente. Então pouco importa se isso obedece a uma agenda do que pode-se chamar de oculto ou satânico, mas isso serve à Luz, porque permite que vocês se desinstalem da ilusão de ter de ganhar alguma coisa neste mundo, já que vocês são o Caminho, a Verdade e a Vida.

E na sociedade tudo é feito para evitar que vocês se perguntem sobre isso. E hoje, nesta circunstância em particular, onde quer que vocês estejam na superfície deste mundo, vocês estão efetivamente, à sua maneira pessoal, para viver esta verdade.

Agora, é claro que esta descoberta acontece, bem evidentemente, à nível individual, e você sabe disso, tem sido explicado por numerosos anos por uma sucessão de choques, que não são verdadeiramente o choque da humanidade para o instante, mas que concorrem, eu diria, a restaurar, de maneira formal, num futuro muito próximo, que pode ser a qualquer momento.

Sempre se tinha dito que o conjunto das circunstâncias desses acontecimentos proféticos, anunciados e temidos, que nós falamos por anos, quanto mais o tempo passa, mais eles vão se desenrolar simultaneamente com a Boa Nova. Isso quer dizer que, o que aparece aos olhos da pessoa, aos olhos da sociedade encarnada, material, quaisquer que sejam suas crenças religiosas, vão lhes mostrar claramente dentro desta manifestação, tudo não passa de um sofrimento ilusório.

Mas este sofrimento ilusório por mais terrível que vocês poderiam ver, talvez para aqueles que se interessam pelo que acontece, ou os que temem, só pode acabar em seu despertar final, ou no momento em que não julgam. Tem sido explicado de inúmeras maneiras, especialmente pelas Grandes Mães Geneticistas, especialmente por Phahame, quanto mais vocês acolhem, não se trata de acolher ou de dizer sim ao que é revelado ou ao mundo, mas simplesmente de ver isso, de não interagir com isso e de o deixar de alguma forma, diria eu, metabolizar em vocês.

Apenas façam isso em relação a uma circunstância, seja onde vocês estão agora enquanto pessoa, com um irmão, com um marido, com uma esposa, com um filho, seja com as circunstâncias do espetáculo de fantoches que está no palco do teatro, mas assim que vocês percebem que têm a capacidade real de atravessar, mesmo o horrível, mesmo o inconcebível, logo atrás, como nós sempre lhes dissemos, vocês se encontram.

O que significa que, independentemente do que vocês vivem hoje, nas circunstâncias deste mundo, em qualquer país que estejam, vocês têm todos os dias e cada minuto que passa, cada vez mais, a capacidade de descobrir a Verdade.

Não a verdade sobre sua pessoa, nem a verdade sobre sua história, nem mesmo a verdade que se espalha por toda parte sobre as ações dos principais fantoches desta sociedade e desta humanidade, em fim os que acreditaram neles, mas quando vocês aceitam, eu diria esse inaceitável, em um dado momento para a pessoa, você descobre que de fato não é essa pessoa, mas que também existe em você essa capacidade fundamental e cada vez mais atual e verificável, de transcender a ilusão.

Ou seja, você está vivendo um sonho, porque alguns de vocês estão vivendo um sonho, estar confinados é a felicidade, não há ninguém mais que você. Mas para outros, ao contrário, nós os percebemos com facilidade também, pode ser muito insuportável se sentir como um animal caçado, talvez se você olhar para isso verá o  que se desenrola e o que está sendo revelado neste momento mesmo em todo o lugar, em todos os níveis de organização da sociedade.

Lembre-se de que, aconteça o que acontecer com você que pareça injusto, ou talvez detestável, e aqui eu digo, tanto a seu nível como no nível da sociedade, é exatamente aqui que você despertará, e é precisamente aqui que o que tínhamos, com você, chamado de Tempo Zero, do instante presente, acontecerá coletivamente, e isso em sincronia com tudo o que foi anunciado desde já muitos anos, centenas de anos e milênios, eu diria.

Você não pode mais duvidar de quem você é além da forma, desde que não seja mais enganado pela cena do teatro. Isso não significa, como eu disse da última vez, que alguns de vocês estão ainda interessados na sociedade, outros na política, outros na saúde, bem, eu diria que isso passa o tempo, desde que você não seja atraído pelas emoções, pela mente, mas que tudo isso permita, ao contrário, apesar de algumas aparências talvez dissonantes, se encontrar completamente por trás da ilusão da representação deste mundo e a ilusão da consciência.

Aí está, não há circunstâncias melhores e, mais do que nunca, antes de refletir ou passar por suas circunstâncias individuais ou coletivas, para apresentar esse princípio de aceitação.

A aceitação não significa aceitar que são os meninos maus que vão prendê-los ainda mais, que vão lhes dar vacinas, que vão prendê-los nas regras ligadas a uma sociedade transhumanista, como vocês dizem, mas muito mais do que isso, através da aceitação do plano distorcido do sonho, você descobrirá que é apenas um pesadelo.

E lembre-se, à noite, quando você dorme, porque muitas vezes fizemos a comparação, e especialmente Bidi, quando ele explicou os quatro estados de consciência, ele disse o que se chamava sonho, o sonho é a verdade, enquanto aqui, quando você está de olhos abertos e lidera sua vida, é um sonho total, só existe porque você acredita nele, só existe porque todos nós o temos juntos, de uma maneira ou de outra. Não há responsabilidade, seja o que for que você faça consigo mesmo, com o outro ou na tela coletiva do mundo, e você deve simplesmente assumir que tudo isso acontece.

Além disso, você sabe que quando dorme, quando há um pesadelo, às vezes você acorda, bem, é exatamente assim. Quanto mais o pesadelo lhe parecer algo incrível no nível do céu, como no nível da Terra, eu falo, mesmo no nível individual, mesmo no nível relacional, quanto mais você aceitar isso, mais se libertará, realmente, sem esforço, da ilusão deste pesadelo. E à noite, é exatamente isso que você faz e, claro, para alguns, é muito mais fácil acordar de um pesadelo do que de um sonho. Por isso, insistimos em colocá-lo cada vez mais no instante presente.

É claro que alguns de vocês se projetam da maneira que puderem em uma quarentena posterior, vocês chamam de pós quarentena, não dizem quarentena, dizem confinamento. Ou, se preferir, de outro ponto de vista, você está em prisão domiciliar. Sim, em sua casa, não é apenas a casa, simbolicamente, é também o seu coração, é um convite, apesar das aparências, de penetrar ainda mais profundamente em você para justamente aceitar, para justamente atravessar, para justamente viver precisamente a força deste instante presente em que você descobre a verdade e a vive instantaneamente.

Então, é claro, se você está interessado no mundo, não se deixe levar, pense nisso como uma caça ao tesouro para aqueles que estão interessados e para aqueles que preferem jardinar, e bem jardinar.

Basta estar em sintonia com o que a vida de alguma forma lhe deu ou tirou de você durante esse tempo, porque é exatamente isso que você precisa. E eu diria mesmo que, quanto mais você está em contradição, em conflito com esse tipo de isolamento, confinamento, mais você esgotará o que chamamos de suas próprias resistências, nem falo mais do ego ou da alma, mas do que eu costumava dizer do hábito da forma, do hábito da consciência, do hábito de expressar tudo o que acontece no plano efêmero.

O efêmero foi reduzido, eu diria francamente, pois todos os prazeres reais foram substituídos por prazeres virtuais. Você vai praticamente visitar museus em suas telas, é também para alguns a oportunidade de se reunir com a família e ver que a família, em última análise, é detestável ou muito agradável, mas seja como for, isso bate em você, empurra você, deixa você feliz ou infeliz, mas tudo isso é apenas uma jogada do teatro individual.

É isso que estamos chamando hoje de estar presente em você, ser lúcido além de todos os jogos de sua pessoa, como todos os jogos de marionetes no palco do teatro. Todo mundo desempenha seu papel perfeitamente. Mas é também a maneira para alguns, lamentavelmente, de viver um pesadelo antes de acordar.

Mas tudo isto não passa de uma ilusão, você sabem disso, mas no entanto, é tudo o que tem de ser realizado nesta Terra, é por isso que veem cada vez mais naves nos seus céus, que já nem sequer estão escondidas nas formas das nuvens, mas que aparecem claramente, e não apenas uma nave, mas as frotas inteiras, que aparecem acima de certas cidades, porque, como  temos dito há vários anos, quando ainda estávamos em torno do Sol, estamos nos aproximando, não só em termos de distância, mas também em termos de vibrações e manifestações, deste momento coletivo de grande regozijo.

Portanto, não procurem uma data porque vocês estão na data, aconteça o que acontecer, seja num minuto, seja dentro de algumas semanas, seja dentro de alguns meses, tudo acontece neste momento. Releiam alguns dos escritos se desejarem, se puderem para os manter ocupados, mas o mais importante não são os sinais visíveis e objetivos do estabelecimento da Luz, mas é sobretudo o que se vive em vocês através do estabelecimento da verdade.

Então, sejam quais forem suas manifestações, sejam elas ligadas a um vírus, sejam manifestações ligadas a radiações humanas, distorcidas, sejam radiações cósmicas, sejam as interações sociais que você experimenta onde está, tudo isso tem apenas um propósito, mesmo que ainda não seja aparente para alguns, é o despertar. O despertar para Agapè, o despertar para o Amor que não depende de nenhuma forma, de nenhuma história, de nenhuma retribuição, de nenhum futuro e de nenhum passado. Foi o que havíamos expressado, uns e outros, em relação ao instante presente, que hoje é a totalidade do Tempo Zero.

Nesse momento, é claro, muitas manifestações para quem o descobre podem ocorrer; não examinarei as manifestações vibratórias e energéticas dos chacras, das portas, das estrelas e dos vários circuitos do corpo de eternidade, e que, se você estiver atento ao que está acontecendo na tela deste mundo, em relação ao vírus, em relação à sociedade, verá que os sintomas, se posso dizer, relacionados para a transformação, são exatamente os mesmos que se desenrolam para os doentes e para os que não estão doentes.

Então é claro que você chama de coronavírus, o coroado, como Nostradamus disse, por exemplo, hein, você sabe, Peter Deunov. Foi exatamente o que Peter Deunov disse em sua última vida, em sua última profecia, a saber: em algum momento virá o fogo do céu, o famoso paraíso branco que ninguém pode ignorar e que será um momento de total sincronicidade entre as dimensões, os universos e os diferentes aspectos da consciência fragmentada através de uma pseudoindividualidade.

Isso acontecerá muito rapidamente, pode acontecer dentro de um minuto, talvez em algumas semanas, tudo depende do avanço, eu diria, dessa revelação, dessa ressurreição que se tornará cada vez mais importante todos os dias, ao mesmo tempo em que o caos cresce cada vez mais, seja a nível da sociedade, a nível dos vulcões, a nível dos elementos.

Tudo isso foi descrito sobre num plano vibratório no Apocalipse de São João. Eu o indico para aqueles que estão interessados em dados históricos, ao que Sri Aurobindo disse há muitos anos, durante os anos de 2009, 2010, a respeito do aspecto vibratório do Apocalipse de São João, mas que, como nas profecias de Nostradamus, não se iluminam realmente até que sejam atualizados.

Existem, portanto, inúmeros marcadores energéticos interiores, exteriores, proféticos e vibratórios, no nível das formas e no nível dos universos, os quais convergem para esse mesmo Ponto Zero, que é o limite de nossa experiência vivida. Lembre-se, você não tem nada para fazer, você apenas precisa cuidar de onde a vida o colocou. Alguns de vocês se encontram com alegria e outros ainda com muito estresse, nesse estado em particular, onde eu diria que o exterior é reduzido a uma pele de tristeza.

E agora eu gostaria de dizer, e dissemos isso a você, mas repito com firmeza, que não existe, na atual consciência energética, vibratória e coletiva de toda a criação, nenhuma possibilidade imaginável de voltar no tempo de qualquer natureza que seja. Existe realmente uma forma no sentido alquímico mesmo, e real, uma precipitação de tudo o que deve ser precipitado, a fim de realmente criar o que acontece em cada um. É um processo de decantação, onde tudo mais pesado é depositado na parte inferior, para deixar transparência.

É obviamente muito mais do que a síntese do corpo de eternidade, com suas diferentes manifestações, que muitos de vocês sabem, isso tem sido explicado por muitos anos. A melhor maneira de se posicionar hoje, mais uma vez, não é meditação, nem oração, nem mesmo para explicar o porquê e o como, você pode fazê-lo se sentir, mas o mais importante, é a convicção interior de que você é a verdade.

Aceite e você a vive, que não há outro, que existe apenas você e que tudo que você vê agitado, em seu interior, com as crianças, a família, amigos ou outros irmãos, tudo o que você vê acontecendo lá fora, onde quer que você assista, na verdade só diz respeito à mesma comédia, ao mesmo drama, que foi o que aconteceu na chamada consciência, que é uma doença e que é uma farsa total.

Você, você é anterior e nós somos anteriores a qualquer jogo, de todas as formas e de todas as dimensões. Não é uma crença, é algo que deve ser realizado intimamente e que é cada vez mais acessível a todos. Mas, por favor, não procure entender além do que você entende. Seja para o seu personagem, seja através de energias, seja através de vibrações, seja sobre iluminar a cena do mundo e dos maus meninos.

No momento, eles estão no casamento, se pudermos colocar dessa maneira. São também as núpcias celestes, por assim dizer, e após onze anos de discrepância com os casamentos celestiais reais, que muitos de vocês já viveram.

Então você só precisa de uma lucidez, uma forma de aceitação, uma forma de infância, que vai lhe permitir utilizar o que sabe usar, por exemplo, se você conhece ciência, pode se interessar por tudo o que acontece em nível de energia real, comparado a ondas, comparado a vírus, mas não se empolgue.

Ou seja, você descobrirá que, se estiver de acordo, não haverá mais medos, ansiedades ou incertezas. De fato, existe uma forma de certeza interior que é estabelecida pela paz e, assim que você a reconhece, pela alegria e, em seguida, por Agapè, que é completamente independente do que você pensou que deveria entender ou escapar para aceitar.

Quanto mais você se aproxima deste momento, seja assistindo ao noticiário, cuidando do seu jardim, cozinhando ou andando pela sala, seja o que for ...  tudo contribui para a mesma evidência, ou seja, você não é mais enganado pelo que acontece no palco da forma, no palco da história, no palco da manifestação.

Ou seja, mesmo se você está sofrendo com as manifestações atuais deste mundo, tenha certeza de que logo atrás existe a Verdade. Isto é, de todas as formas possíveis, a Inteligência da Luz, a matriz Crística, toda a Confederação Intergaláctica de Mundos Livres e o conjunto das dimensões, como você deve saber, agora estão reunidos mais próximos a você, para fazer a conexão dentro de você, porque já estamos em você.

Você verá que não há antinomia, mas uma forma de ressonância entre nossa presença dentro de você, como no que se manifesta fora de você, quaisquer que sejam as aparências, às vezes, eu diria, do peso de certos eventos que atualmente ocorrem na Terra.

Tudo isso não pode confundi-lo da verdade. Tudo isso não pode atrasar você, porque somente você pode aceitar completamente o que está acontecendo. Não como uma forma de capitulação ou uma forma de derrota, muito pelo contrário, como uma vitória para a Luz. Porque a partir do momento em que você se encontra, a partir do momento em que aceita, irradia essa luz. E é assim que você não é mais apenas, como dissemos muitos anos atrás, âncoras ou semeadores de Luz. Você é a luz do mundo. Você é a luz dos mundos.

Mas você também é tudo o que foi criado, diante de seus olhos, em você, como antes de você. Existe a verdadeira bênção e a verdadeira obra de transcendência, ressurreição e liberdade. Você sempre esteve aí. Você acabou de esquecer. E você acorda desse sonho ou pesadelo da maneira que puder.

E é também uma maneira de romper, eu diria, com os últimos apegos, não os apegos ao sofrimento, é claro, mas até os apegos ao que era mais agradável, às histórias bonitas. Isso não os impede de vivê-los, talvez para alguns ainda mais do que antes. Mas isso permitirá que você seja lúcido.

E essa lucidez faz parte da transparência, do caminho da infância, de quem aceita o que é e que aceita que não pode mudar nada, nada muda no final. Mas você pode adoçar o sonho para que não se torne um pesadelo, seja um sorriso, seja sua busca ou o que você contempla no mundo ou na tela interna, no que você compartilha, no que você troca, no que dá vida ao outro por simpatia, por ressonância.

E é assim que estabelecemos o que chamamos de Ressonância Interdimensional Agapè Espacial, que permite descobrir que você não é desta forma, nem de nenhuma outra forma, mas que está entre formas e que você é, como dissemos, o próprio substrato do Universo, o próprio substrato do sonho e o próprio substrato da Criação, e do seu próprio despertar.

Como Abba disse: "Tudo foi escrito antes mesmo da criação".

É isso que você tem que aceitar, aceitar que o filme se passa através de você; através de você, mas, finalmente, sem você. Você não é apenas a testemunha ou o observador, é também quem escreveu o roteiro e distribuiu todas as funções sem nenhuma exceção. Através dele, dessa forma de consciência, além do aspecto energético e vibracional, você tem a capacidade instantânea de transcender tudo isso e realmente ressuscitar para si mesmo. E este é o período da Páscoa.

É claro que o que resta a ser percorrido, durante o mês de abril e o mês de maio, eu lembro, é pontuado por outros festivais chamados religiosos, mas também por alguns aspectos astronômicos muito particulares que foram usados por movimentos espirituais.

Vocês têm, por exemplo, o Wesak em breve. Todas essas partes, de fato, mostrarão a verdade por trás das aparências, por trás da manifestação, por trás das crenças, por trás de todas as projeções que você puder imaginar.

Repito que não há circunstâncias melhores, apesar do que você poderia julgar, de fato, como detestável nas circunstâncias do coletivo humano. Não há circunstância melhor do que o que está acontecendo agora para você descobrir quem você é além de toda a história.

É claro que ainda existem outras coisas que ficarão mais claras a cada dia, ainda mais diretamente, se eu puder dizer, a seu respeito, sobre o que é tocado no palco do teatro, o que é tocado até em sua própria casa.

Mas, também aqui, lembre-se de que, além de toda emoção, além de toda projeção e compreensão, o mais importante é a aceitação. Porque a aceitação também se torna um entendimento que evita o mental, evita a razão, evita as memórias e evita as projeções, e que o instala, com mais e mais estabilidade e certeza, no instante presente e na Paz.

Isso é algo que todos devem ser capazes de reconhecer, especialmente para aqueles que não sentem que estão vivendo os processos energéticos ou vibratórios. Lembre-se de que a supraconsciência requer vibrações, pois a consciência é vibração, mas a Verdade nunca será vibração. A verdade está além de todas as formas, todos os mundos e todas as manifestações. E repito uma última vez, todos os dias você terá mais e mais oportunidades para viver isso, através do seu espetáculo interior, mas também do espetáculo exterior.

Então é claro que vários eventos na cena do teatro estão se unindo. Podemos dizer que os vemos do tamanho de uma casa com seus movimentos de xadrez, se é que posso dizer, onde eles acreditam que ainda estão governando o mundo e lucrando com as circunstâncias relacionadas a esse vírus, ou como pretendem se beneficiar da visibilidade de Nibiru para estabelecer seu plano. Mas, como você pode ver, os meninos maus têm com que se preocupar, não importa os espantalhos que eles criem diante de você.

Não se deixe enganar mais. Você tem a força interior ainda mais acessível à verdade de que você é, a partir do momento, novamente repito esta palavra-chave, você aceita. Não significa não ver, pelo contrário. E você também vê por outros canais, outras vozes e até entre vocês, o que você compartilha nas redes sociais, conversando entre vocês, trocando, trocando coisas que você não poderia trocar antes, porque existe uma forma de maturidade coletiva no desconhecido.

De fato, tudo é possível. O desconhecido se precipita sobre você a nível da cena de teatro. Para você ele é conhecido nisso que você é, desde que você o viva. Mas é realmente uma grande cena do teatro cósmico que está sendo vivida por você e que foi escrita por todos os profetas e no tempo de Cristo, muito antes como também muito mais recentemente.

Portanto, é inútil, e como dissemos alguns anos atrás, procurar a cronologia, uma vez que a cronologia você vive todos os dias, em você e fora do palco do teatro. Seja apenas um espectador que prova seu estado de alegria interior observando o que está acontecendo, como também observando numa espécie de distanciamento real e concreto das circunstâncias, eu diria, anteriores a este mundo. Porque todo mundo sabe muito bem que nada mais será o mesmo.

Portanto, há realmente um trabalho de luto acontecendo agora. Mas é um luto que, esperamos, será cada vez mais alegre, para você e para cada um de vocês, a cada dia que passa.

Então, obviamente, voltarei a fazer uma observação antes do final deste mês de abril, sem poder especificar, eu diria, uma data precisa. Mas pedirei que você envie antes do final de abril, desta vez, para me fazer as perguntas que lhe parecerem boas, sabendo que não vou responder aos sonhos, nem ao que acontece no palco do teatro , porque vocês têm todos os meios para vê-lo, com um mínimo de curiosidade no momento, como eu disse da última vez, em suas telas.

Mas eu estou falando aqui sobre as questões de posicionamento interno e as questões que serão relacionadas a isso, também dependendo de como o espetáculo se desenrola no palco do teatro. Vou anunciar alguns dias antes de eu chegar, dependendo, como já disse, do progresso desse espetáculo magnífico que está em andamento.

Quanto a mim, envio todas as minhas bênçãos. Terminarei com estas palavras. Você também sabe que pode nos chamar. Nós lhes dissemos isso por incontáveis ​​anos. Da mesma forma agora, nessas circunstâncias, se você parece ter alguma dificuldade em atravessar, interna ou externamente, coisas tão horríveis de aceitar, estamos com você e estamos em você, pois estamos mais próximos de você em seus céus. Não hesite, estamos aqui para isso.

Não esqueça também que a Ressonância Interdimensional Agapè Espacial está mais ativa do que nunca, em todas as formas possíveis, para permitir que você se estabeleça de maneira estável e definitiva, no instante atual do Tempo Zero e que aí está a Alegria, aí está a Paz. E que isso prevalece sobre todas as circunstâncias da sua vida ou do seu corpo, seja o que for que você viva, em qualquer nível.

Então deixe-me passar a você todas as bênçãos da Confederação Intergaláctica de Mundos Livres e de todos os planos dimensionais, que se juntam a mim e honram seu posicionamento atual, seja ele qual for, na descoberta de sua verdade inefável anterior a toda a consciência e a todo o mundo.

Eu transmito a vocês todas as minhas bênçãos e eu os amo. E eu digo a vocês antes do final de abril, mas vou dizer ao Cabeça Dura (JLA) para anunciar minha vinda alguns dias antes, para que vocês tenham a oportunidade de fazer perguntas anteriormente, que serão transcritas, é claro. Mas esqueçam tudo o que é sonho e esqueçam tudo o que é questionamento sobre energias, vibrações, porque conversamos sobre isso por muitos, muitos anos, e tudo foi escrito nas canalizações do cabeça Dura, é isso já há mais de dez anos, certo? Portanto, não volte nisso.

Mas insisto acima de tudo no questionamento que você pode ter, dependendo das circunstâncias, se ocorrerem, deste acesso ao Tempo Zero, a essa Paz e Alegria, que não dependem, como sempre temos dito, da aceitação de seu personagem, sua alma, se ela ainda está aí, e de seu espírito.

E através disso, você irá constatar toda a sutileza e o peso do que tínhamos dado, do que deu Abba, Cabeça Dura, Bidi e até Mâ (Ma Ananda Moyi), a última vez que ela veio ao Peru, concernente à esse acolhimento, a esse amor inexprimível que você é, apesar das circunstâncias deste mundo, eu diria mesmo, graças às circunstâncias deste mundo, mesmo que lhe pareça o mais horrível.

Você está por trás disso, você escreveu para acordar, você apenas esqueceu. Agora é a hora de lembrar.

Eu vos amo e digo-lhes, finalmente, pode ser em duas semanas ou duas semanas e meia. Até breve!


**********



Transcrição do Áudio: Equipe Agapè

Tradução para o português: Marina Marino

PDF (Link) : O.M.-AIVANHOV-13-de-Abril-2020