ANAEL – Q/R - Julho de 2017


Anael – Q/R - Julho de 2017
Mensagem de 04 de julho de 2017 (publicada em 18 de julho)
Origem francesa – recebida do site Les Transformations

Áudio da Leitura da Mensagem em Português - por Noemia
Clique aqui para fazer o download do áudio




Eu Sou Anael Arcanjo, Anjo das Relacionações, Anjo do Amor. Bem-amados filhos da Lei do Um, que a Paz, o Amor e a Verdade se instalem entre vós.

... Silêncio…

Nas entrevistas que foram dadas a vocês recentemente, muitos elementos importantes sobre o que precisam  viver foram comunicados.  Dirijo-me a vocês hoje, para tentar trazer, se necessário, esclarecimentos sobre estes processos. Assim, portanto, convido-vos a formular suas perguntas.  Vou responder o que vocês me perguntarem, relacionando o tema com o que foi emitido em entrevistas recentes.

Minha resposta será pela Palavra e pelo Silêncio, durante o qual o meu esplendor e o brilho dos Arcanjos, presentes aqui comigo, vão transmitir esta forma particular de Radiância  Arcangélica, buscando a resposta da Palavra e da vibração incluída no silêncio, nas profundezas do seu ser, esperando para tocar sua eternidade. Antes, vamos refinar todo esse silêncio juntos, deixando espaço para a luz da Verdade.

... Silêncio…

Estamos prontos para receber suas perguntas. Eu vos escuto.


Pergunta: Eu vos agradeço por esclarecer se poderia deixar o caminho do sofrimento, antes do Apelo de Maria.

Bem-amado, ninguém além de você pode decidir seu caminho e a maneira de viver seu próprio Apocalipse. Cada um de vocês está diante de si mesmo neste momento, cada um está enfrentando sua própria verdade,  parcial e absoluta. Se diante de sua escolha, você hesita, oscila de um estado para outro, não se preocupe com isso. Permita que a Inteligência da Luz se expanda e atue sobre você.

Isto diz respeito essencialmente às criações de sua mente, ao seu mental, às emoções experimentadas, que, como já relatei antes, não tem nada a ver com qualquer erro, qualquer passado, são apenas condicionamentos, não tendo nada a ver com sua história pessoal, mas sim com este mundo que vivem, correspondendo aos costumes e práticas morais, sociais, emocionais, sexuais ou sociais, sendo estabelecidas sem qualquer motivo e sem qualquer justificação na norma aceitável dentro de uma convivência de um grupo humano, de país ou de toda a humanidade.

Podem perceber isso, nem que seja apenas pelas aparências, a nível de costumes, de hábitos, vestimentas, alimentação. Porque existe realmente, além do sistema de controle do mental humano,  um reservatório de forças inconscientes fortemente relacionados com esse sistema de controle mental, comprovado  em qualquer idade, quando um fenômeno surge, o grande número de irmãos e irmãs humanos que começam a segui-lo. Isto aplica-se claramente na moda,  nos costumes, na evolução da sociedade, mas não lhe diz respeito de forma alguma pessoalmente. O problema é que, ao permanecer dentro da sua própria pessoa, você está sujeito a seguir esses costumes, a aceitá-los, mesmo porque eles são implantados no nível coletivo.

Eu repito, isso corresponde também às marcas de vestuário, às cores de roupas, às ideias, aos pensamentos que vêm um belo dia, independente de quaisquer descobertas, sejam científicas ou não, e emergem na consciência coletiva.

No entanto, como uma pessoa, você adere, geralmente inconscientemente, mas também conscientemente, ao que lhe é sugerido por aqueles que conduzem as informações, que comandam a humanidade no plano oculto. É muito fácil hoje em dia, com os modernos meios de comunicação,  induzir uma nova ideia e fazê-la  ser adotada sem dificuldade pelas pessoas, mesmo que se oponham a ela. Basta olhar para o aspecto mais evidente que são os costumes e as roupas. Isso que é chamado de moda. Moda, vocês sabem, é passageira. A propósito a moda, seja vestimenta ou a nível das ideias, muda a cada ano, fazendo-lhes adaptarem-se ou rejeitarem estes comportamentos. Tanto num caso como em outro, quando se submetem ao inconsciente coletivo ou o recusam, nada muda em seu confinamento.

É simplesmente para desencadear em vocês o movimento da energia e da consciência, a submeter-se à egrégora do seu país, do seu grupo social. Isso também funciona desta forma dentro da família, dentro de uma empresa comercial, dentro de um Estado, e agora, com meios modernos de comunicação, em todo o planeta.  Eu vos digo, a imagem é a sugestão em qualquer nível que você considera sua reflexão. Estas sugestões não lhe foram oferecidas apenas pelo que chamam de lei do mercado, mas por alguns indivíduos, nomeados "os fantoches" pelo Comandante, e sempre trabalham num nível não-visível para vocês,  para orientar literalmente sua vida, não de acordo com as leis do mercado, não por espontaneidade, mas unicamente de acordo com interesses particulares que não têm nada a ver com sua Liberdade, com sua Luz.

Claro, isso é apresentado a você como muito brilhante, muito na moda como se diz, mas também como sendo a verdade. Comunicar uma ideia nunca será a verdade, mesmo se forem utilizados os meios modernos. É apenas uma escravidão fazendo com que você se comporte com o que é moral e normalmente aceito. Se enxergas isso, já não está condicionando-se à adesão ou à rejeição de modismos, de ideias, como de tudo o mais  que surge na tela da consciência coletiva da humanidade, desde já muitos anos.

O brilho adamantino da Luz, percebendo você ou não seus mecanismos vibratórios, quaisquer que sejam, provoca em sua pessoa uma submissão ou insubordinação em relação a um determinado elemento, que em última análise não muda absolutamente nada no resultado, que vai dar forma ao pensamento, ao comportamento, à sociedade para o benefício de poucos.

Este é o jogo normal de toda dualidade confinada, que chega ao seu final, onde as aberrações às quais vocês foram submetidos, e estavam inconscientes sobre elas, são reveladas à vocês, às vezes de forma violenta. Isso os afeta pessoalmente porque não existe nenhum meio de modificar individualmente o aspecto coletivo dessas modas, dessas imposições, dessas ideias que são fugazes. Somente quando o seu olhar parar de alimentar  o que você aderiu ou se opôs, é que a Unidade se estabelecerá dentro de sua pessoa e você estará vivendo nesta época tão especial.

A benevolência, a neutralidade, a espontaneidade, o silêncio, são os meios mais adequados, especialmente na atualidade, com a expansão da Luz, para ver a Verdade e não mais as verdades impostas por alguns egos que dirigem e canalizam a energia coletiva para algo que não seja a Verdade. No entanto,  apesar de se ver na tela do mundo, mudanças em um crescente número de irmãos e irmãs na face humana da Terra, não se pode qualificar essas mudanças  como positivas, mas sim uma desorganização total do nível mais íntimo do ser humano, células e DNA, para o nível do planeta na sua totalidade. Sem dúvida, se há submissão ou insubordinação, há conflitos entre vários grupos opostos em relação aos pontos de vista que, em última análise, são os pontos de vista de alguns egos particularmente tóxicos.

De nenhuma maneira você pode melhorar, alterar ou modificar o que é visto, que é entendido, o que está escrito e que uma multidão de seres humanos dá seu consentimento, sem qualquer dificuldade. O que se busca neste mundo não é a Verdade; o que se busca é uma cortina de fumaça, artifícios e qualquer coisa que pode mantê-lo longe de sua Verdade essencial, que no entanto deve estar presente a cada minuto de sua experiência, como é o caso de todos os mundos livres, onde não pode haver qualquer violação, sofrimento e nenhuma  distorção da Verdade da Luz.

Hoje, sobre essa Terra, ninguém pode mais ignorar o que está ocorrendo a nível de fatos, é visível para onde se olhar. Não quero falar aqui sobre o que se ouve e vê em seus meios de comunicação, mas precisamente é através deles, com alguma curiosidade, que vocês verão claramente o que não é visível.  No entanto, lembrem-se que, independentemente de qual for o elemento, se inspira raiva, negação, surpresa ou fúria, que se relacione com sua própria vida ou toda a coletividade humana, não muda nada. O objetivo deste sistema de controle e do inconsciente coletivo é, simplesmente drenar sua consciência, sua energia e, eu diria, que até sua alma, para trilhas de perdição, ou seja, atordoando-os com o materialismo frenético, a ganância das pessoas, ganância dos países, ganância das sociedades, das comunidades e até mesmo ganância religiosa, social, econômica.

Este princípio de funcionamento, só pode levar ao caos, porque a partir do momento que você adere a ele, ou está de acordo com ele, você está na violência e fica violento. Ou, inversamente, quando não quer aderir. É daí que nascem os conflitos, as guerras, os tumultos e todo o sofrimento da Terra, onde nenhum daqueles que não são despertados, podem aceitar e realmente se colocar no lugar do outro para viver o que é, para além de qualquer noção de empatia ou carisma, mas sobre a verdade dessa afirmação: "Tudo é Um."

Tudo o que lhes foi demonstrado é, obviamente, o oposto da Unidade. O que se vê em toda a Terra, trata-se de uma falsificação que chega  ao fim,  e que só pode terminar a medida que um ciclo termina, o ciclo da sua vida e de suas reencarnações, o ciclo planetário que, como sabem, chegou ao fim nesta grande revolução zodiacal de 52.000 anos. 

O propósito dos controladores é simplesmente assegurar que um número suficiente de grupos seja formado, tanto em adesão, como em oposição, para dar vazão a conflitos, de forma natural e viciada. É assim que, atualmente, você  vive bem no plano da sociedade e dentro de sua pessoa, se é que você ainda é uma pessoa. Esta expressão foi explicada por algumas irmãs Estrelas ontem. 

Não há outra alternativa de saída, não apenas deste confinamento, mas do círculo vicioso, correspondendo de uma maneira geral a tudo que é denominado desejo, posse, necessidade de adquirir, necessidades da vida, que nunca cessa neste mundo como foi construído; a não ser colocando a pessoa a frente, o homem num lugar central, mais que no coração. Se nada for feito, isso leva ao transumanismo, ou seja, a transferência de consciência para dentro dessas máquinas da besta binária. Alguns também, entre a humanidade, afirmam que esta é nova forma de liberdade, de já não contar com um corpo – para ver que eles não estavam neste corpo, após entender os limites deste corpo perecível -  enfrentar uma eternidade completamente inversa e falsa em relação à Verdade e à Luz e sua eternidade. 

É por isso que parece que sofrem, que precisam fazer escolhas, que precisam criar diferentes estratégias para se adaptarem ao mundo. Esta adaptação ao mundo se converte, podem ver  em vocês mesmos, nos outros e em toda a parte, em algo cada vez mais delicado, substituída por mecanismos que eu chamaria de caos, onde o mental, o intelectual e a razão não têm nenhum meio de se identificar, de mover-se, de orientar-se e fazer escolher. Existe, portanto, uma forma de identificação contínua, relacionados à informação, à comunicação, de minar, de maneira completa e voluntária,  todas as suas bases.

Repito, não há espaço possível para a solução de todos esses antagonismos. Há simplesmente uma possibilidade de  resolvê-los, com cada vez mais facilidade,  na evidência da Unidade de seu coração, na evidência da Eternidade, em evidência da Alegria, e na evidência do Amor.

Enquanto olhas, dá a sua energia; enquanto participa, alimenta algo diferente da Luz. O clímax desse processo em execução, relacionados com a implantação completa da Luz vibracional neste mundo, obviamente toca a sua lucidez e ilumina até mesmo sua consciência fugaz das coisas que realmente não parecem justas, parecem dar voltas ao redor e levá-lo a loucura, ao medo e ao que se desenrola. Cada um vai defender suas posições pessoais, comunitárias, nacionais, de exigir a verdade, exigir seus direitos. Disto fluem todos os conflitos criados na Terra por toda a eternidade, hoje em uma escala muito maior do que nos tempos denominados pré-históricos. 

Uma vez que há organização social, há condicionamento. Uma vez que existe aderência, há um grupo. Uma vez que há um grupo, que há adesão, há uma egrégora. Uma vez lá a egrégora, há ação sobre o inconsciente coletivo. Esta egrégora não se dissolve jamais. Ela fica registrada no que vocês chamam os Registros Akashicos, que são na verdade apenas os livros favoritos dos Arcontes, que reproduzem um pouco dessas partituras musicais desses anais, para guiar a humanidade sempre no sentido de mais materialidade, a mais negação da Luz e da Verdade.

Portanto, não há, a nível social, nenhuma maneira de evitar essas forças de condicionamento, enquanto você permanecer uma pessoa. Isto é responsável, mesmo que você não esteja sendo afetado individualmente, por fazê-lo passar por algum sofrimento, por certas resistências, certos distúrbios que você tem de viver um pouco, neste período. Não há nenhuma programação adicional, apenas servem para alcançar a consciência de todas essas forças ligadas aos hábitos, ligadas ao inconsciente, que atuam sobre você e o dirigem.

Isto aplica-se, naturalmente, e acima de tudo, a todos os eventos relacionados ao prazer. Sejam shows, seja esporte, seja política, seja tudo sobre este mundo, absolutamente tudo é feito para lhe submeter ao prazer e, de algum modo, torná-lo viciado em alguma forma de consumo. Muitos filósofos, dos mais antigos aos mais atuais, vos falam sobre estas coisas. O mais importante é entender que qualquer forma de consumo, no sentido mais amplo, de uma sociedade, leva-a necessariamente à sua própria consumação.

Gostaria de lembrar que um mundo fechado é compartimentado, com uma energia limitada, que não pode aumentar indefinidamente. Se eu pegar como exemplo o que vocês chamam, na política, de “o dogma do crescimento”, acreditando que em um mundo finito e trancado, o crescimento pode ser eterno, esta é uma das maiores estratégias de confinamento conhecidas e existentes no presente. A única maneira justa, em uma terceira dimensão da humanidade não dissociada, não é acumular crescimento, mas o que se pode chamar, em termos econômicos, de uma diminuição, ou seja, vamos dizer que acumule o menos possível, deixando a menor pegada que puder em sua passagem, em curto espaço de tempo. 

A imortalidade, neste plano bloqueado, corresponde à transposição de sua consciência em sua linha de descendentes, em suas realizações, em seu patrimônio e em sua história. Todo elemento novo para a consciência, o passado e, em particular, as celebrações diversas e variadas, sobre um Estado, sobre guerras, as comemorações são, antes de tudo, elementos manipuladores em todos os níveis, mesmo que tenha realmente um prazer, uma alegria ou uma seriedade relacionada ou qualquer outro elemento apontando para a sociedade o dever de memória.


É através de tudo isso que toda a consciência humana coletiva é dirigida para o abismo, para submissões cada vez maiores. Embora a palavra liberdade seja cantada, de diferentes maneiras, em todos os discursos, você bem sabe que isso é exatamente o oposto. É o mesmo para a noção de segurança, é o mesmo para todas as grandes palavras que são usadas coletivamente. Eu chamo de "grandes palavras" apenas as aquelas que vêm de forma repetida, primeiramente pelos meios de comunicação, e adotadas mais tarde, inconscientemente, por um determinado grupo. Então alguns países tem experimentado o que se chama de anglicismo, ou seja, usar palavras de outra língua, saindo das próprias regras da linguagem, para impor um novo modelo, que os liga, assim pensam, a todos os indivíduos da mesma comunidade. Isso é intencional, mais uma vez, porque é onde estão as sementes de confronto, guerra e escravidão.

Agradeço-lhe de qualquer maneira, que você tenha entendido que nenhuma forma, neste momento, é inevitável. E eu repito que isso se torna mais fácil, a partir do momento que você aceita, a partir do momento que diz "sim" para a Luz, para a Unidade que é, mesmo não sabendo disso; com a condição de não mais  tomar como referência o que pode ser visto em sua vida ou na tela do mundo.

A tela do mundo, como um todo,  mostra o pandemônio, o caos e o Apocalipse que está em curso, ninguém pode ignorar, especialmente as religiões, que possuem numerosas pessoas submetidas a elas ainda na Terra, e que sempre relataram o fim dos tempos. Isto já entrou em manifestação diante de seus olhos. A programação é tal hoje que, apesar da intensidade de Luz Vibral que chega ao planeta, é grande o número de irmãos e irmãs de seres humanos que ainda não têm capacidade de ver o jogo que se joga. Eles estão efetivamente prisioneiros e confinados.  Estão de fora para o momento, nenhuma luz poderá tocá-los.

Não os julguem, porque é entre estes irmãos e irmãs humanos encarnados que serão produzidas as maiores graças no momento do Apelo de Maria. Mas hoje, enquanto o Apelo de Maria e os sinais celestiais não se manifestam de forma tangível para toda a humanidade, é inútil querer mudar ou melhorar qualquer coisa, enquanto você ainda não encontrou quem é realmente. Isto é especialmente verdadeiro para qualquer grupo, seja um grupo familiar, uma comunidade, um grupo religioso. Seria um desperdício de tempo, de energia, de vibração, um obscurecimento da alma querer fazê-lo.

O princípio da matrix, você sabe, falsificado, é baseado na ação-reação, que não é uma lei de liberdade, já que a única lei da liberdade é a lei da Ação de Graças, direito dos Filhos do Um. Todo o resto, toda a Harmonia, todo o Amor fluem em qualquer dimensão que se está. Claro, o trabalho é fazer em você e para você, a reversão final que foi relatada várias vezes e traduzida por Ma Ananda Moyi pelas três maneiras possíveis neste tempo, em sua ilustração.

Cada um de vocês é afetado de diversas maneiras.  Se você está desperto, dormindo, liberto, não importa, estão todos em modificação, mesmo para os Liberados Vivos, certos hábitos, certos comportamentos estão modificando a programação do inconsciente coletivo e não mais por um desejo qualquer. Há muitos anos, eu lhes falei sobre abandono à Luz, há muitos anos, eu falei do princípio da Fluidez da Unidade.  Hoje podem verificar por si mesmos, em sua vida, na sua família, no seu grupo, no seu país, o que está ocorrendo em você, e veja se você é afetado de alguma maneira ou por algum elemento em curso, ou algo que você teme ou ainda esperava encontrar no futuro próximo. A única localização é portanto, como já disse depois de longo tempo, HIC e NUNC ( aqui e agora) e a aceitação do que está ocorrendo.

A partir do momento que há aceitação de tudo o que se manifesta em sua consciência, mesmo que a iluminação em sua consciência não seja perfeita e adequada, o princípio da aceitação de quem é, conduz inexoravelmente para a vibração, para a libertação e para a liberdade. Este é exatamente o inverso do que é recomendado, desde tempos imemoriais, na vida que levam alguns de vocês sobre esta Terra.

A aceitação não é uma rendição, a aceitação não é uma fuga. Eu diria que é um Abandono total à Luz, permitindo que a Tensão ao Abandono se manifeste,  sem ser conduzido de forma alguma por seu passado,  por suas influências, por suas projeções. Todos os dias da atualidade, e o Comandante em outro nível os mostrou isso pelo menos nos últimos dois anos,  pela resposta do coração, pela evidência e pela facilidade ou resistência manifestada em suas escolhas, em suas indecisões, nas estradas que percorrem na superfície deste mundo.

... Silêncio…

Outra questão.

... Silêncio…




Pergunta: Você pode nos dizer sobre a íntase ?
 
Bem-amado, parecia-me que Ma Ananda Moyi tinha explicado perfeitamente o que é a íntase. O êxtase é voltado para o exterior, ela se manifesta neste mundo, a íntase não viabiliza nenhuma manifestação sensível neste mundo. Aquele que vivê-la é absorvido, não no Absoluto, já que neste momento não haveria nenhuma consciência, mas é absorvido pela Infinita Presença, é absorvido pela felicidade, mas guiado pelo Eu mais profundo de si mesmo,  sem que nada possa ser acessado pela visão externa do observador. Apenas há, concreta e realmente, nesse momento, uma mudança na densidade de sua própria matéria, de seu corpo, instalando-se na imobilidade, impedindo qualquer movimento, velando os sentidos e entrando em contato, se o aceitar, com a Verdade.


O silêncio dos sentidos, o silêncio do corpo, sem um completo desaparecimento da consciência deste corpo, como no sono ou no desaparecimento, permite que você ancore sua eternidade neste corpo efêmero, nesses momentos, se esta for a forma que vai acontecer para você.

Não há manifestação da energia, vibração, movimento, pensamento, emoção, a pessoa desapareceu, a alma está congelada, o Espírito queima dentro, nada pode ser visível ao exterior; a felicidade se instala sem tradução externa. Este mecanismo, que é substancialmente o mesmo que o êxtase, se esta é a direção e o foco da  energia e da consciência que é diferente, tem a intenção de mostrar-lhe, de demonstrar-lhe a verdade e realidade da Luz que, em nenhum caso, pode ser deste mundo, mas que, no entanto, se expande de forma cada vez mais ampla e evidente sobre este mundo.

Mas lembre-se que o Despertar não é Liberdade. Lembre-se que, embora você possa ver clara e especificamente um palco de teatro e observar a cena com facilidade, sempre perderia a última etapa, que é ver que não há um palco de teatro, nem espectador ou observador, ou nem mesmo há um teatro. Isso pode ser produzido efetivamente por íntase,  de maneira mais fácil que pelo êxtase, que, como você sabe, mesmo se ele corresponde à abertura do coração para o Coração do Coração, se reflete neste mundo. A íntase não ocorre neste mundo, a não ser para a mudança da densidade corporal e imobilidade.

Apenas a íntase ou desaparecimento lhes foram permitido viver, especialmente os desaparecimentos. Nós sempre lhes dissemos que os desaparecimentos eram sinais irrevogáveis de sua liberdade, mesmo assim, quando os vivenciam, não se sentem inteiramente livres, porque existe dentro da pessoa contradições, oposições, no que está ao seu redor. A dificuldade está em aceitar compartilhar, por assim dizer, seus estados de consciência entre o que é Verdade e o que parece cada vez mais ilusório, efêmero e falso, com a mesma constância.

Porque enquanto o mecanismo de êxtase é experimentado,  como os mecanismos vibratórios, sejam quais forem, e mesmo que só houvesse às vezes a presença da coroa da cabeça, isto mostra a penetração da luz e seu trabalho dentro de você. Pela densificação da Luz, pela ativação dos pilares da luz por todo o vórtice da terra, é agora muito mais fácil de extrair-lhe, sem qualquer esforço, todas as ilusões que acumula, sem deixar você ou deixar ninguém, mas simplesmente aceitar o que está acontecendo.

O princípio de aceitação não é ainda soltar, muito menos o Abandono à Luz, mas demonstra o que é a submissão à verdade e à eternidade de sua personagem. É aqui que a aceitação autoriza a inteligência da Luz para agir e para trabalhar para você. Afirmou-se-lhe inúmeras vezes que você pode, através de sua pessoa, desfazer-te da pessoa.  Isso também não significa se livrar, mas em qualquer caso livrar de suas influências, suas memórias, suas projeções, sua história, seu karma ou qualquer coisa que não esteja no momento presente, o HIC e NUNC.

Não há nenhum esforço para fazer, não há compreensão para se obter. A aceitação, esta palavra simples, é a base e o fundamento do que é viver hoje, para encontrar forma estável, a criança interior, a humildade, a transparência, a simplicidade, a autonomia e a espontaneidade.

Enquanto houver em vós a não aceitação de qualquer coisa ou pessoa, você não está livre; e também não há nenhuma possibilidade ligada à inteligência da Luz, atuando pelo seu vibral, diretamente sobre o jogo de sua consciência ao nível da alma, sobre o jogo de sua consciência em nível efêmero.  É o Espírito que se revela, ele mesmo, o Espírito da Verdade, o Espírito do Sol, o Paráclito, o Coro dos Anjos, o Impessoal. É exatamente o mesmo. Ser o Cristo e desaparecer para si mesmo é realizar o que foi nomeado de sacrifício, que é o ato sagrado o mais perfeito neste mundo fechado, chegando ao fim irrevogável.

A íntase é um caminho possível na viagem que você tem que realizar no efêmero. Claro, você não está ligado a qualquer forma. Também não é você, como pessoa, que vai decidir, mas a luz, dependendo de como é a resistência em seu caráter, sua energia, sua consciência passageira. Entendê-la  - e vivê-la - é o único passo que tem de dar para ser livre. A aceitação ou submissão ao que você é, não a pessoa, é a garantia de viver este Apocalipse em grande serenidade, na maior alegria.

Cada dia que passa oferece uma oportunidade, a cada dia mais, para realizar o que é jogado na tela do mundo, na tela da sua consciência, em seu corpo, em sua família e em qualquer grupo que seja.

A liberdade realizada pela Inteligência da Luz cria em você uma sede insaciável de ser permanentemente satisfeito, assim que se reconhecer, além de qualquer história de qualquer cenário. Isto foi chamado o Coração do Coração. Isso foi possível pelos mecanismos de vibração que você experimentou, ou pelo menos você já ouviu falar. Hoje, o mecanismo é muito mais íntimo e direto, e diz respeito diretamente à consciência, ignorando as vibrações percebidas sem o uso de energia, sem se mover, simplesmente estar no aqui e agora, em completa fusão, onde nada pode emergir. Este não é, estritamente falando, um estado meditativo nem um alinhamento, mas na verdade um desdobramento em você. É por isso que Ma Ananda lhe disse sobre as três maneiras possíveis neste período. Outras informações serão dadas numa visão diferente, mas que corresponde aos mesmos elementos, do amado Sri Aurobindo. 

... Silêncio…

Outra questão.



Pergunta: É sobre o Fogo Ígneo que não se manifesta totalmente no coração ?

Bem-amada, você pode esclarecer sua pergunta, porque eu não entendi, embora tenha ouvido. Você fala para si mesma ?


Pergunta: Sim.

O que quer dizer ?


Pergunta: Eu sinto a luz na cabeça, mãos e pés, mas não para o coração.

Se o Fogo Ígneo percorre teu corpo, exceto teu coração, isso significa que você mesma não vive em seu coração. Está vindo, está passando por uma das três formas mencionadas por Ma Ananda Moyi. Seu corpo é a expressão. Lembre-se que não existem obstáculos ligados a um padrão, que seja cármico, seja de posicionamento, mas apenas certos hábitos de operação, mesmo muito justificados neste mundo, então você teve que viver, mas hoje não trazem qualquer contribuição. 


Não há, portanto, para você e para cada um de vocês, a programação inconsciente, que não é, naturalmente, apenas relacionado à moda, ideias que se cruzam, mas também, de forma mais simples, os hábitos que cultiva nesta vida. Isso certamente poderia ser útil em algum momento de sua experiência, mas hoje, mesmo se ele é removido de suas atividades, continua a agir, sem o conhecimento de seu próprio livre arbítrio, sobre o funcionamento de tua energia, tua vibração e tua consciência. 

Uma das três maneiras que você vive, inexoravelmente leva à ignição do coração, assim como as outras duas faixas. O Fogo Ígneo cria, como você sabe e como foi explicado pelo Comandante, por vezes, processos inflamatórios relacionados ao que tem sido chamado de resistência. Claro, você pode encontrar correspondências simbólicas correspondente a ataques, sofrimento orgânico ou psicológico, com a origem desse comportamento ou padrão de visão, por assim dizer, mas lembre-se mais uma vez que não há nada a procurar, nada para explicar, nada para entender. É aceitar. A aceitação em si, é feita ocupando-se de seu corpo, da parte física, por mais material que seja, se necessário.

A localização da sua consciência tem prioridade em relação à explicação da manifestação, da forma que você escolheu e vive, mesmo inconscientemente. É apenas para deixar para o trabalho da Luz. O Fogo Ígneo, é claro, você sabe, entrou ao nível de algumas estruturas, alguns circuitos vibracionais que têm sido ativados por muitos anos já. O Fogo Ígneo que se manifesta na periferia e não no coração, enquanto em outros casos pode haver luz ígnea no coração e não na periferia, simplesmente reflete o seu ajuste ao caminho escolhido pelo seu inconsciente, para acessar a paz eterna do seu coração. Esta falta de Fogo Ígneo no coração, quando você percebe as vibrações e energia, apenas traduz isso.

Veja hábitos, consulte comportamentos sem julgamento.  Aceitar, concordar, cuidar do corpo, se o corpo é afetado, com o que mais lhe convier  e depois deixar que ocorra a alquimia. Lembre-se que você não pode, por sua pessoa, viver o coração. É precisamente o desaparecimento total de si mesmo que sustenta o coração. É neste sentido que Ma Ananda retornou para ressaltar o que pode ocorrer neste agora.

Independentemente da forma e qualquer que seja a ausência de evento do Fogo Ígneo no seu coração, não se preocupe mais com isso. Isto foi válido por muitos anos, quando tínhamos forjado, por assim dizer, novos hábitos, nova energia, nova vibração, novo corpo. Tudo isso aconteceu. O que posso dizer hoje é que você precisa esquecer todas essas coisas, porque precisamente a Inteligência da Luz é muito mais eficaz do que exercícios vibracionais, muito mais eficaz do que qualquer yoga - mesmo que tenham sido ensinadas algumas técnicas que irão ajudá-lo – e vai ajudá-lo a, em qualquer caso, soltar e aceitar.

É neste sentido que eu falei de aceitação. A pessoa sempre pergunta por que ela vive este processo e não outro. Isso é normal, este é o modo de operação da pessoa, mais para dizer que a pessoa ainda está lá. No entanto, você não pode viver tudo o que você é, enquanto a pessoa estiver em frente ao seu palco de teatro. Obviamente, a localização do observador permite-lhe todos os pontos de vista, sentir-se em tudo, em algo que não se sentia antes, ou que não sentiu nada agora. Estou falando de energia, vibração, de aportes da consciência. Há um ponto, e agora é um momento muito oportuno para este, onde este abandono à Luz deve retornar a esta Tensão ao Abandono e à Aceitação total. Como Cristo disse:  « Pai, coloco o meu espírito em suas mãos ». É dizer para si mesmo, uma vez que não há nenhum Pai, você é seu próprio Pai.

A partir do momento em que o mecanismo de consciência esta trabalhando, por isso, especialmente se o Fogo Ígneo está em toda parte, exceto no coração, ele irá se juntar ao coração assim que se soltar, e será imediato. Não há nenhum atraso. Eu acho que Ma disse a você sobre algumas maneiras que poderiam durar, apesar de sua inconveniência, até uma semana. Isto significa que este caminho, o caminho do véu, como o chamamos, leva inexoravelmente ao coração, em um tempo muito curto, mas se vive o Fogo Ígneo, é ainda mais simples, tem apenas que aceitar. Não há como saber o que aceitar, é a aceitação total de tudo, de tudo o que ainda não está presente no campo de sua consciência.

Essa é a Graça, não apenas as Ações de Graça, mas os estados de Graça que lhe são dadas ao vivo, que serão cada vez mais intensos, a partir 07 de julho. Alguns de vocês, é claro, não terão que esperar para esta data a vivê-las. Outros não as viverão em 7 de julho, mas mais tarde. É por isso que temos de aceitar que a Inteligência da Luz, não precisa de sua inteligência, não precisa de sua pessoa, não precisa da sua história, não precisa de seus chakras, não precisa de vibração, não há necessidade de qualquer coroa, simplesmente aceitar, dizer "sim" para o que você não sabe, e o que você não sabe que vai ser experimentado.

Você vai encontrar esta evidência, cada vez mais, como extensão dos dias que terá lugar a qualquer momento, com seus entes queridos na família, com a sociedade. O que você não pode entender, o que você não pode ver, requer apenas um tratamento exclusivo, embora, é claro, em alguns casos, é necessário lidar com o corpo em termos muito concretos; este tratamento é uma palavra, "a aceitação", "aceitar". Repito, isso é mais do que o Abandono à Luz. Eu posso dizer que é a associação de Abandono à Luz com o aqui e agora, onde não há lugar para a história, para a própria pessoa.

A partir do momento que você aceitar, qualquer que seja o caminho, especialmente para percursos delicados que são o caminho do sofrimento e o caminho das velas, em um caso como no outro ... A questão que surge, não é para o caminho da Alegria, que reflete precisamente que tudo foi acordado. Em outras palavras, isso significa: « o ama-te a ti mesmo », não como uma pessoa, mesmo que seja útil, mas como um princípio, a eternidade e a perfeição, que ainda nem conheces, mas vai estar lá. Não há nenhum esforço para fazer, não é apenas para se render e aceitar que a Luz não se destina a ampliar qualquer pessoa que seja, mas para fazê-lo descobrir a verdade que você é. Se este também for aceito, então a aceitação é total, o Fogo Ígneo vai tomar o seu lugar.

... Silêncio ...

Outra pergunta.



Pergunta: Um Liberado que não pode pensar, comunicar, nem compreender, e que só tem forças para  se deitar e fechar os olhos, ele pode estar em um processo de pré-estase ?

Sim, ele foi chamado ao caminho do véu, que na verdade precede íntase, e depois êxtase. Como você percebe, não pode se opor nem lutar contra isso, porque é a sua natureza. Eu entendo perfeitamente que pode ser confuso para a pessoa que o observa, de dentro e de fora, mas você sabe o que quer. E como já foi dito, não pode ser a pessoa de antes, ele não pode ser registrado em hábitos, padrões de comportamento de sua vida. Além disso, tendo sido liberados hoje, passam também pela liberação desses comportamentos automático mais recentes. A comunicação de qualquer tipo é um comportamento automático.

Afirmei que a forma mais perfeita de comunicação é chamada de telepatia. Ela não usa nem a palavra nem o Verbo. Em outras palavras, isso também significa que todas as técnicas de comunicação, mesmo a mais justa, eu não estou falando sobre a programação dos meios utilizados pelos meios de comunicação, mas para a comunicação simples, a troca da relação, a transação entre irmãos e irmãs, independentemente da posição de um e outro, vai no seu caso pelo recesso interior, o que não significa a retirada de vida ou circunstâncias, mas como você expressa de modo assim, a falta de desejo de comunicar, por uma falta de necessidade de falar. O silêncio toma todo o lugar.

Quando Ma Ananda falou sobre três possíveis rotas de experiências atuais, ela bem disse, isso também diz respeito aos Liberados Vivos, porque eles também devem deixar hábitos desaparecer. Na verdade, mesmo alguns grandes seres da Terra, vivendo livres em tempos muito anteriores a esta temporada, no século passado, ou mesmo antes, ainda esses irmãos humanos e irmãs liberados conservam alguns hábitos, alguns condicionamentos, que não haviam visto.

Hoje, o que lhe é solicitado pela Luz, é uma perfeição na dissolução do efêmero, para finalizar sua ressurreição e finalizar seu sacrifício. Assim, o caminho da alegria, o caminho do sofrimento, o caminho dos véus, também estão ativos nos Liberados Vivos. Isto é o que você tem que aceitar. Parece também que Ma Ananda Moyi disse que o caminho dos véus que leva à íntase,  não deve exceder uma semana a partir do momento que você o viu e o aceitou.

O silêncio é uma comunicação não verbal. O silêncio também é eficiente para o outro,  mesmo se você não vê-lo, mesmo se o outro, seja ele quem for, precisar ou quer ouvir você falar. Você deve respeitar a Inteligência da Luz. Este caminho final que tens de percorrer, deve ser aceito na totalidade, caso contrário, ao ser libertado vivo e se libertar da  pessoa, se dá muita importância ao indivíduo, à história, aos medos, embora não tenha medo. Este não é um paradoxo, é a verdade absoluta de que você vai ser mais propenso a viver, se não tiver feito.

A palavra-chave, repito, é « aceitação », « aceitar », mostrando-lhe a si mesmo que você não está mais sob a influência de sua pessoa, de sua história e sua vida efêmera. É assim que a superposição e dissolução do efêmero se realiza. As três maneiras que lhes disse Ma, são os únicos três caminhos possíveis, não há nenhum outro.

Se por exemplo, seu interesse para ver a falsidade deste mundo se torna muito grande, você vai, naturalmente, também, dar sua energia para a falsidade. Que seja uma pessoa, que seja você mesmo, diante a sociedade, diante todas as manipulações e todas as inversões que se constata hoje. Você não alimentou mais seu coração, você alimenta o que olha. Assim te é imposta a falta de desejo de comunicar, o caminho dos véus, forma das velas, o que é preferível, embora possa ser mais bizarro, do que o caminho do sofrimento, para viver o caminho da Alegria.

Aí está o sacrifício humano, mesmo para os Liberados Vivos, que deve libertar hábitos da pessoa, não por qualquer ação, mas aceitar o que está acontecendo agora. Seja alegria, seja sofrimento, sejam os véus, nada muda.

... Silêncio ...

Desde que você mantenha o silêncio, nos testemunhos de algumas irmãs estrelas, muitos elementos foram relatados sobre suas experiências, você pode encontrar inspiração sobre o que representa este significado. Quer seja para uma noiva de Cristo, quer para Véu da Infância, quer através do conhecimento e tensão para o Abandono de Hildegarde, qualquer que seja. As irmãs que se expressaram são modelos para você, não para seguir, mas para ver onde você está. Além das três vias, de fato, virtudes espirituais associadas com Doze Estrelas e os nomes que foram atribuídos para além das irmãs que os usaram, é evidente uma estrutura que está presente em você. 

HIC e NUNC corresponde a duas estrelas. Você pode também, simplesmente por sua própria consciência, por vários meios, incluindo óleos essenciais que são um excelente suporte, ativar as portas que vão, de alguma maneira, soltar sua aceitação e autorizar que isso aconteça. A nível das Estrelas, o que é mais importante, é o que eu chamaria o Aqui e Agora, ou seja, as estrelas IM e IS, a Estrela AL, as estrelas KI-RIS-TI, Clareza e Precisão, e, finalmente, Atração e Repulsão. Cabe a você experimentar, por meio de testes, o que te ajuda a aceitar o que viu.

Se tem falado, especialmente pelo Comandante, das diferentes manifestações possíveis no caminho do sofrimento. Estes também podem ser não combatidos, mesmo a possibilidade de tratar o corpo, seja ela física, mas você pode perfeitamente neste momento, permitir a liberação, por assim dizer, conceitos e ideias que freiam a aceitação. Você  pode não aceitar ainda a si mesmo, mas pode contudo modular, através das Estrelas, pelas Portas, algumas características de seu funcionamento e favorecer, por assim dizer, a aceitação.

Se você tem a impressão, por exemplo, e se você observar ao nível físico algumas manifestações ligadas aos véus, seja pelo caminho do sofrimento misturando o caminho dos véus, você sabe nesse momento que há resistência. Basta  simplesmente, promover a vibração das Portas e das Estrelas, ou com as mãos, com um pouco de ioga, com óleos essenciais ou cristais, por exemplo. Nesse ponto, não há simplesmente tem que fazer, não o que está errado, porque você não pode ver, mas simplesmente favorecer. Por exemplo, se parece que tudo torna-se turvo no caminho dos véus, basta simplesmente trabalhar com Clareza, com IM e com IS, independentemente do método. Obviamente, isso não vai fazê-lo aceitar, mas trará uma clareza significativa para colocá-lo no momento presente, onde vive aceitação. 

Outro exemplo. Você parece estar disperso, olhando para o lado de fora, com dificuldade em entrar em você ou em seu coração.  HIC e NUNC são as Estrelas indicadas para isto, como também a Estrela Profundidade. Ocorre o mesmo com cada problema que você pode encontrar no coração da pessoa. Obviamente que, para a dor física, pode não ser suficiente, mas tudo é relevante para o posicionamento da consciência, que entrará em vigor imediatamente. Cabe a você  ver qual função espiritual das Estrelas deseja ativar.

Outro exemplo. Se houver, em seu corpo, manifestações do tipo inflamatórias, portanto, ligada à resistência e ao reencontro da Luz - este é o caminho do sofrimento - nesse ponto, você só precisa tratar, por assim dizer, AL e OD, a primeira parte da cruz cardinal. Neste momento, você irá ajustar sua matéria, OD, com o Fogo. Este fogo, paradoxalmente, não vai aumentar a dor ou mecanismos inflamatórios, mas vai dissolver a cristalização porque este é realmente o Fogo Ígneo que não corresponde à alma, mas para a Estrela AL e Unidade, as duas virtudes associadas a nova tri-Unidade permitem essa alquimia. Também me parece que um dos Anciãos vai comunicar a localização de suas mãos, onde as colocar no corpo, para permitir isso. 

Também podem ser usados, é claro, cristais, e você tem as correspondências entre os cristais e as Estrelas, entre as Portas também, que às vezes são indicadas, especialmente quando se é físico. E, especialmente, quando se trata do corpo, não da cabeça e pescoço, você pode fazer da mesma maneira, sabendo que o primeiro objetivo desta ação, pela maneira que você quer em sua Estrela, permite levantar os obstáculos, sem perguntar a origem dos mesmos. Basta olhar o que você falhou, em sua pessoa e em sua consciência e agir por si mesmo, por conta própria.

... Silêncio ...


Pergunta: Você pode dizer algo sobre o sagrado feminino?

Bem-amado, eu acho que você tem bastante literatura sobre o sagrado feminino. Eu sugiro a você especificar,  o que deseja. Não posso me permitir falar, mesmo para apenas alguns minutos, o que foi dito e amplamente explicado e experimentado. O que quer dizer especificamente?


Pergunta: Eu não sei.

O sagrado feminino tem sido amplamente desenvolvido. Por isso, encaminhá-lo para o que foi dado em entrevistas que remontam mais de um ano a dois anos. Não é necessário que eu repita.


Pergunta: Tendo experimentado a última presença pode facilitar a estase ?

No momento apropriado, sim. Isto sempre foi dito.

Vivendo a última presença, o Coração do Coração, se você preferir, é que  garante, como qualquer Coroa que foi vibrada, sua liberdade.

... Silêncio ...

Outra pergunta.

... Silêncio ...

Bem amados filhos da Lei do Um, agora é hora de eu deixar o meu lugar. Permita-me agradecer a você e para você passar, de coração a cada um de seus corações, Alegria, Amor e Verdade.

Sou Anael Arcanjo, saúdo-vos no amor. Até logo.




***


Tradução do Francês: Marina Marino



PDF (Link para download) : ANAEL – QR - Julho de 2017


4 comentários:

  1. A tela do mundo, como um todo, mostra o pandemônio, o caos e o Apocalipse que está em curso, ninguém pode ignorar, especialmente as religiões, que possuem numerosas pessoas submetidas a elas ainda na Terra, e que sempre relataram o fim do tempo. Isto já entrou em manifestação diante de seus olhos. A programação é tal hoje que, apesar da intensidade de Luz Vibral que chega ao planeta, é grande o número de irmãos e irmãs de seres humanos que ainda não têm capacidade de ver o jogo que se joga. Eles estão efetivamente prisioneiros e confinados. Estão de fora para o momento, nenhuma luz não poderá tocá-los.
    .........
    A única localização é portanto, como já disse depois de longo tempo, HIC e NUNC ( aqui e agora) e a aceitação do que está ocorrendo.
    .........
    Ser o Cristo e desaparecer para si mesmo é realizar o que foi nomeado de sacrifício, que é o ato sagrado o mais perfeito neste mundo fechado, chegando ao fim irrevogável.
    .........
    A aceitação ou submissão ao que você é, não a pessoa, é a garantia de viver este Apocalipse em grande serenidade, na maior alegria.
    .........
    Não há como saber o que aceitar, é a aceitação total de tudo, de tudo o que ainda não está presente no campo de sua consciência.
    .........
    É por isso que temos de aceitar que a Inteligência da Luz, não precisa de sua inteligência, não precisa de sua pessoa, não precisa a sua história, não precisa de seus chakras, não precisa de vibração, não há necessidade de qualquer coroa, simplesmente aceitar, dizer "sim" para o que você não sabe, e o que você não sabe que vai ser experimentado.

    ResponderExcluir
  2. É por isso que temos de aceitar que a Inteligência da Luz, não precisa de sua inteligência, não precisa de sua pessoa, não precisa da sua história, não precisa de seus chakras, não precisa de vibração, não há necessidade de qualquer coroa, simplesmente aceitar, dizer "sim" para o que você não sabe, e o que você não sabe que vai ser experimentado. Anael

    ResponderExcluir
  3. Como Cristo disse: « Pai, coloco o meu espírito em suas mãos ». É dizer para si mesmo, uma vez que não há nenhum Pai, você é seu próprio Pai.

    ResponderExcluir
  4. a clareza com que cada explanação de Anael nesta mensagem deixa estupefados nossos sentidos em tudo o que vivemos, realmente como disse vários intervenientes a experiência nesta matriz é puro sofrimento, mas que muitos seres quiseram viver, e pensando francamente ISTO É UMA LOUUUUCCCUUUUURA
    brincadeira, mas que é complicado é
    Rendo Graças

    ResponderExcluir