O.M. Aïvanhov - Parte 3B - Q/R - Junho 2017



O.M. Aïvanhov - Parte 3B - Q/R - Junho de 2017
Mensagem de 07 de junho de 2017 (publicada em 25 de junho)
Origem francesa – recebida do site Les Transformations


Áudio da Leitura da Mensagem em Português - por Noemia
Clique aqui para fazer o download do áudio




Questão : com um coral, nós preparamos um concerto tendo por tema o amor na poesia e na música.  Amor humano e amor dedicado ao Divino com Evening Service de Purcel e Aleluia do Messias de Haendel.  Você tem comentários a respeito desse período dito sagrado ?

Comentários ?


Há uma segunda questão que segue.

Porque eu não vejo o que responder a isso.


Questão : pode-se pedir à Luz para iluminar essas obras para cantá-las em toda serenidade ?

Sim, e se elas são opostas à Luz, você vai ter um retorno terrível.  É a mesma coisa que não falar aos seus próximos do fim dos tempos, se eles não querem ouvir falar disso.  Vocês não podem salvar ninguém.  E aliás, há uma questão que foi colocada à qual eu respondi no início deste encontro, a respeito de uma Teofania com os chefes de estado.  É a mesma coisa.  Sejam vocês mesmos a Luz e parem de querer projetar a Luz.  Quem é que projeta a Luz ? É Lúcifer, antes que ele fosse redimido, o « portador de Luz ».  Vocês não são mais simplesmente os semeadores, os ancoradores de Luz, nem mesmo os portadores de Luz, porque quando vocês projetam a Luz, é ainda um ato de vontade egóica.

Aquele que é a Luz, ele se contenta em estar aí, ele não tem nenhuma intenção, e para esse concerto, se produzirá o que se produzirá, mas se você começa a querer por a Luz sobre alguma coisa que não quer isso, neste caso dos irmãos e das irmãs, você viola a liberdade deles. Por que querer que os outros sejam Luz ? Deixem-nos livres.  De qualquer modo vocês todos serão Luz, portanto não há que se inquietar.

Deem-se conta, quando vocês dizem « eu projeto ou eu envio a Luz », quer dizer que vocês consideram que vocês enviam alguma coisa exterior a vocês. Coloquem-se no coração, realizem uma Teofania com a situação ou a pessoa, acolham tudo isso em vosso coração, mas não é um movimento de exteriorização da consciência, é um movimento que vai no sentido para a Eternidade.  Tudo o que vos faz entrar em manifestação, em um propósito admitido, ou não, é ainda o ego quem fala.

Se você é Luz, vai constatar por você mesma que tudo é Graça ao seu redor, e em você.  Você não tem necessidade de empreender o que quer que seja, você tem necessidade de estar em paz, em felicidade e em serenidade. É tudo. Essas faltas ainda eram possíveis há um ano ou dois, mas tudo isso acabou, e vocês devem se dar conta por vocês mesmos através das experiências que vocês conduzem neste período.  É semelhante para as fraturas, é semelhante para os traumatismos do corpo, ou os traumatismos familiares, afetivos ou outros, para aqueles que vivem isso.

Outra questão.


Questão : o que você pensa do caminho do conhecimento de si iniciado por Douglas Harding, chamado « a visão sem cabeça », e os exercícios que ele colocou no ponto consistindo em voltar a flecha de sua atenção em 180 graus para descobrir que eu estou no centro ?

Sim, é o observador, tal como Bidi disse, é exatamente a mesma coisa.  Mas lembrem-se, o observador também deve desaparecer.  É necessário ver o observador, viver o observador, e como Bidi disse, até vocês perceberem que não há nem cena de teatro, nem espectador, nem teatro.  O risco para todas essas pessoas que deram essas técnicas, e aliás mesmo sobre os ensinamentos espirituais muito mais estruturados do que o que deu esse senhor, vocês têm as verdades que são enunciadas, mas lembrem-se de que toda verdade, sem conhecer a finalidade, não serve para nada.  Ela não fará, em definitivo, senão confiná-los.  É o que fazem todas as religiões e é o que faz a maioria dos mestres espirituais presentes na terra. Mesmo os grandes mestres, mesmo nós, Anciãos.  Vocês sabem, os seres realmente liberados, do meu tempo, mas então havia um por século.  Hoje, vocês são milhões a viver isso.


Questão : isso pode ser uma ajuda para aqueles que ainda estão identificados ao corpo e à pessoa ?

Bah isso vai ser complicado uma vez que, como acabei de dizer, a história dessa visão sem cabeça vos fixa em uma etapa.  Se vocês aceitam, por outro lado, que este mundo ( que vocês o vejam, ou não) vai desaparecer, porque vocês veem bem os eventos que se desenrolam, que eu tinha anunciado há muito tempo ; aliás Peter Deunov, que se chama Orionis, também descreveu o Fogo do céu que chegava.  Tudo será regenerado, mas não na mesma dimensão, é a fraude.  Portanto, se vocês dizem não, se vocês não estão ao corrente, se vocês não aceitam o fim – vosso fim -, e o fim deste sistema, como vocês querem encontrar o Desconhecido ?  Vocês permanecem no conhecido.  É sempre parecido, um ensinamento verdadeiro, cuja finalidade não é dita ou para no caminho, hoje é tanto uma falsificação quanto o resto.

Mas isso foi dito, já está bem chegar ao Si, quer dizer que jamais a visão da cabeça vos fará desaparecer.  Aliás, quando vocês desaparecem, é muito bom, vocês veem bem que há entre vocês aqueles que desaparecem desde anos escutando, e nós sempre dissemos que era o melhor testemunho de vossa liberação a vir e de vossa liberdade a vir, mas se vocês realmente vivem o coração, vocês não tem de esperar serem liberados pelo Apelo de Maria. Portanto isso deve se traduzir em vossa vida, sobretudo agora que há as Teofanias.  E como isso se traduz para aquele que é liberado agora com as Teofanias ?  Com uma Paz, uma beatitude, uma felicidade que nada pode vir deslocar, quaisquer que sejam os acontecimentos.  Então se vocês estão assim hoje, vocês estão livres, quaisquer que sejam as vibrações, a Onda da Vida, o Canal Mariano ou outro.  Sem isso vocês são liberados pelo Apelo de Maria, ou depois no planeta-grelha final.

Portanto não parem no caminho. O que fará a diferença, é a aceitação, ou não, do desaparecimento da pessoa, quer dizer o que é chamado a estase mas que de fato é vossa morte – e vossa ressurreição. Se vocês não aceitaram vossa morte, vocês não podem acessar e aceitar vossa ressurreição, é tão simples assim agora.  Não é uma questão de vibrações, de expansão da consciência, é porque vocês não estão no tempo em que era necessário instalar esse Si, mudar as coisas, vocês estão no período em que não há mais coisas.  Nós vos dissemos : O Apelo de Maria pode acontecer muito rápido, não é mais o momento de jogar com isso.  Caso contrário, vocês se fixam ainda em um propósito e um objetivo e, portanto vocês mesmos saem da Verdade porque vocês consideram que vocês têm um objetivo ou um propósito, então que tudo está aí. É uma falha de posicionamento da consciência e de ponto de vista.

Por outro lado, desde que vocês aquiescem, em vossa alma e consciência eu quero dizer, à vossa própria finalidade e à finalidade coletiva, seja porque vocês veem ao redor de vocês e têm os conhecimentos científicos reais, e vocês sabem o que se desenrola, e, como eu disse, é um processo de extinção global, não é simplesmente a chegada de Nibiru, a parada de rotação da Terra, e tudo recomeça como antes.  Não há nada que recomeça. Isso recomeça durante os 132 dias e é tudo.  É semelhante quando vocês morrem de doença – de doença longa, não de acidente, porque ali vocês têm o tempo -, vocês sabem muito bem que todos os vossos próximos que estão mortos, o mais frequentemente se agarravam à vida e estavam na negação ou na raiva, ou na negociação : « Oh, estará bom se eu não parto agora, mas que isso espere alguns meses ». Tudo isso acabou.

Então tentem, se possível, sobretudo em relação ao que vocês são, não se colocarem objetivos deslocados no tempo nem propósitos a perseguir, porque aí vocês entram novamente na busca espiritual ou na procura da Eternidade.  A Eternidade não se pode buscar ; descobre-se em si, ou não se descobre.  Esse princípio de aceitação de vossa finalidade e da finalidade coletiva deste mundo é indispensável.  Além disso, é algo com o qual vocês não podem trapacear.  Enquanto vocês podem dizer « eu estou no coração » e estar na aparência, mas aceitar a finalidade de vosso corpo, dessa consciência efêmera, e desse mundo, é uma sagrada desarrumação.

Porque aí há aqueles que querem acreditar nisso, e então eles acreditaram tanto nisso que eles viram que nada se passou durante esses anos ; agora, eles tornam-se ao oposto da Luz – porque são esses os que esperavam o fim, que estavam apressados disto acabar.  Mas agora, é necessário aceitar com lucidez.  Vocês têm marcadores suficientemente em vossa vivência, pelos desaparecimentos entre outros, vocês têm marcadores suficientemente no nível dos vulcões, no nível do que se passa mesmo neste momento, nesses dias aqui, hoje, nesta hora em que vos falo.  Olhem o que se passa na Antártica, vocês verão bem.  E como...há uma expressão popular que eu amo muito, que já existe desde alguns anos, quando vocês dizem que « fica tudo em picolé ». É exatamente isso.  Vocês não terão nada em que se agarrar do que é conhecido.  É exatamente o que se passa quando vocês morrem, não ?  Vocês não podem levar vosso corpo, vocês não podem levar vossa carteira, vosso talão de cheques, vossa casa, vosso marido, vossos filhos.  É sozinho que isso se passa.

E nós vos dissemos que o processo da estase, que é um êxtase, é também a morte do corpo, e a ressurreição do corpo.  É por isso que eu ria muito, quando havia entre vocês quem se perguntava como eles iam fazer xixi, ou comer, ou evitar que eles fossem comidos.  Mas isso não tem nenhuma importância uma vez que vocês estão mortos e nós vos dissemos que não era todo mundo que recuperaria um corpo físico, depois, no momento da ressurreição. E que isso não fazia nenhuma diferença, que vossa consciência estaria totalmente no corpo de Existência e que vosso corpo teria desaparecido, quer dizer que vocês vão despertar, vocês vão se levantar, vocês vão se voltar, vocês vão tentar se apalpar e vocês vão dizer « mas onde está meu corpo ? ». Ah bah ele desapareceu. O que é que vocês fazem nesse caso ?  Vocês choram por algo enquanto que vocês estão ainda vivos ? Não é uma imagem, hein, o que eu vos digo, é a realidade.

Há aqueles que se veem, agora, nos processos noturnos.  A diferença, em relação às primeiras questões sobre o sonho daquela que vive isso de maneira pacífica e a outra pessoa que tem arrepios, que está gelada à noite. E no entanto, é o mesmo processo, tudo depende de onde vocês estão em consciência. É por isso que era extremamente importante falar-vos do processo final, e esse, desde o começo. Uma vez que, é claro, vocês sempre podem duvidar, vocês até podiam dar meia volta no ano de 2012, quando vocês não tinham vivido o fim do mundo, como alguns o projetavam, em 21 de dezembro.  Mas eu, já tinha dito, desde setembro, que vocês teriam preocupações.

O processo estava finalizado bem antes de 2012, no nível da Terra. Foi finalizado no momento da Liberação da Terra, restava somente atualizá-lo. E agora, vocês estão...quantos anos ?  Quase cinco anos depois, tudo acabou, e no entanto vosso corpo, ele ainda está aí.  É necessário habituarem-se à Eternidade, antes de morrer se possível – e de renascer. Mas vocês imaginam que se nós dissemos que a estase, era a parada de todas as funções corporais e portanto, no plano estritamente deste plano em que vocês estão, isso se chama a morte.  Aliás há referência , na Bíblia, o que é chamado os dois Testemunhos, que eles também devem passar pela morte durante os três dias, em circunstâncias particulares.  E vocês também,  todos vocês morrem, e vocês renascem em vosso corpo de Eternidade, quer o corpo físico esteja lá ou não.

Mas se eu vos disse isso...no momento em que eu falei do planeta-grelha, já era bastante perturbador para muitos, mas nós sabemos o que nós fazemos, não fazemos nada por acaso.  Se agora vocês olham todo o caminho que foi percorrido por vocês depois de todos esses anos, através de tudo o que foi entregue, vocês veem nisso a arquitetura, a sutileza.  Mas isso, vocês podem ver apenas agora.  Aliás vocês veem que as coisas que vos foram ditas, há sete anos, há dez anos, encontram hoje toda sua ressonância, e não na época, uma vez que vosso ponto de vista não era o mesmo.

E eu os lembro que muitos irmãos e irmãs que fizeram as experiências de morte iminente, quando eles são reconduzidos à vida, eles vos dizem que há um único inferno : é aqui.  Quando eles entram novamente em seu corpo, eles têm a impressão de entrar em um cadáver, mesmo em relação ao corpo astral, algo que é pegajoso, que é frio, que é fixo, que não se move.  E os processos que se passam à noite, agradáveis ou desagradáveis, vão dar-vos uma nova leveza, eu o disse.

O ego, a pessoa, e sobretudo entre os ocidentais, a morte, é algo de terrível uma vez que vocês perderam o aspecto coletivo.  Por exemplo para os budistas, para os Japoneses, a morte não é nada, é por isso que eles fazem hara-kiri sem problema, mas para um ocidental, a morte, necessita ver o que a rodeia. Não é necessário sofrer, não é necessário estar em agonia para morrer.  E eu vos digo, é exatamente o inverso.  E tanto melhor se vocês vivem essa agonia agora, tanto melhor se vocês são apreendidos de temor. E mesmo tanto melhor, eu diria, se vocês se desviam, porque vocês escutaram ; mesmo se vocês renegam tudo isto, está inscrito em vocês e nós não temos nenhuma inquietação por esses irmãos e essas irmãs.  Aliás nós não temos nenhuma inquietação por ninguém.  Mas bem, assim mesmo, é pena passar os 132 dias em casa de correção.

Vamos, outra questão.


Questão : questão de um irmão : vejo claramente o medo de não ver mais meu filho e meu apego a ele. Isso acarreta uma forma de submissão à sua mãe.  Como transcender isso ?

Ah é uma irmã, quer dizer é uma mãe.  E infelizmente, uma mãe, e vocês o têm entre os animais, entre os insetos, é o que se chama o instinto maternal, e vocês não podem lutar contra isso porque esse instinto maternal faz parte do confinamento. Maria, é claro, e nossa mãe, de todos, e ela tem uma responsabilidade pelo fato de que ela criou a experiência da consciência na terra.  Eu vos disse, uma consciência criadora acompanha sua criação todo o tempo que dura a experiência, mesmo se há acontecimentos intercorrentes como o que se passou há 300.000 anos. Isso faz parte da responsabilidade da criação.

Certamente,  Maria não criou vossa alma nem vosso espírito, mas ela é vossa mãe enquanto vocês estão na carne, uma vez que vocês são portadores de seu DNA, muito simplesmente.  Mas quando vocês não têm o DNA, além da 3D, e que há apenas a Luz, vocês não têm nem papai, nem mamãe, nem parentes, nem avós, nem o que quer que isso seja.  Vocês veem que isso vos é desconhecido.  Vocês não podem adotar as regras deste mundo para o outro lado, nesse caso, vocês se enganam redondamente.

Agora, estou desolado, mas esse instinto maternal faz parte de vossa constituição neste mundo.  Aliás é por isso que a maioria dos místicos, no tempo antigo, ou seja antes da chegada do Espírito santo, não consideravam ter marido, mulher e filhos, porque é um confinamento, de seu ponto de vista. Certamente não do ponto de vista da mamãe que tem um filho.  Então é claro que nesse nível...mas não é para nada se vocês chegam nos processos que estão a viver hoje com um filho e esse apego.  É justamente aí que é necessário resolver, não é por acaso. 

Mas estou perfeitamente consciente, e eu vos disse tantas vezes que « vossos filhos não eram vossos filhos ».  Mas infelizmente vocês não podem fazer nada porque está inscrito na estrutura dos mamíferos.  Até prova em contrário, quando estamos encarnados, nós somos animais, portadores de Luz no interior, mas o veículo é animal com todas as regras deste mundo.  E algumas regras deste mundo não podem ser transformadas até o Apelo de Maria, esse exemplo de apego aos filhos é um.

Portanto, não tenho nenhum conselho, é necessário assumir.  Ou então aceitar que seus filhos não são seus filhos e lhes conceder a liberdade. Porque muitas vezes, mesmo se uma mamãe, sobretudo quando os filhos crescem, hein, ela tem a impressão de que ela está apegada ao seu filho, que ela deve ajudá-lo em tudo, mas é frequentemente a mãe quem cria essa impressão na filha, ou no filho.  Lembrem-se : é aquele quem diz que é.  Quer dizer que quando uma irmã diz que ela está apegada aos seus filhos e que ela não sabe como vai fazer, sim, ela é quem criou o laço de apego, não é o filho, e vocês assumem esse laço que vocês criaram, que vai bem além do instinto maternal, ou seja que vocês consideram ainda que vossos filhos vos pertencem.  O corpo, sim, enquanto eles são filhos.

Como vocês querem tornar autônomos e livres esses filhos, por vossos comportamentos, de ainda manifestar tal apego?  Então para um bebê, é normal, uma vez que o instinto maternal está presente entre todos os mamíferos.  A vantagem do animal, é que ele reconhece seu filho enquanto ele é pequeno, mas assim que ele se torna maduro, a noção de filho não se inscreve mais em seu cérebro, o que não é o caso para o humano.  Eh sim, e eu sempre vos disse que quando vocês vão na Liberdade, além deste plano, vocês não têm nem pais, nem filhos nem ninguém com quem vocês têm um laço hereditário.  Isso é específico do mundo confinado. E isso me fazia rir muito, muitas vezes, quando vocês colocam questões em relação ao vosso papel neste mundo.  Vocês devem desempenhá-lo até o fim, mas uma vez que vocês estão livres, não há nada a manter, não há nenhum apego a manter.

O instinto maternal, tão magnífico que seja, pertence à pessoa, ao corpo de carne e portanto ao ego.  E a maioria das mães afetivas, protetoras, não fazem disso senão um problema a seu próprio feminino.  Então, certamente, é apresentado da maneira mais agradável : é o instinto maternal, a necessidade de amar, de proteger, de servir, de ajudar, mas por trás disso escondem-se outras coisas.  Isso vos remete necessariamente, madames, às vossas feridas vividas por vocês mesmas na infância, na relação com vossa própria mãe, mesmo se não é transgeracional, e sobretudo ao que é o Feminino – e sobretudo o Feminino sagrado. Vocês têm poetas que vos disseram bem antes de mim : « Vossos filhos não são vossos filhos. »  Porque esse poeta via por trás das aparências, e por trás das convenções da matéria, dos laços familiares, como vocês dizem.

E aliás, expliquem-me como vocês vão fazer.  Imaginem um casal com filhos adultos, que se reencontram, com ou sem o corpo, nos Círculos de Fogo. Aí há um que vem de tal lugar e o outro que vem de outro lugar.  Vocês acreditam que vocês vão ter dificuldades para partir ?  Absolutamente não. E além disso vocês têm alguns, entre vocês, que têm filhos de uma certa idade que vos colocam no lugar, hein. Eles não querem vossas histórias de educação, de parentes, de ordem, de autoridade.  Acabou, sobretudo se eles ultrapassaram os quatorze anos.  Por que é que vocês querem ainda funcionar  no antigo ?

Vocês não lhes prestam serviço, aos vossos filhos que vocês amam e tanto acariciam. Vocês os mantém na escravidão, em um laço.  Vocês chamam isso...então certamente quando eles são pequenos, é o instinto maternal, e depois há os hábitos ligados ao corpo de carne, e se aí vocês misturam vossa consciência, mesmo se vocês têm a impressão de amar, de servir e de ajudar, vocês tecem os laços que depois são venenos.  Talvez não para vocês, se vocês estão liberados, mas para aqueles que vocês têm alimentado dessa maneira. É o que vocês querem ?  É parecido para os maridos e as mulheres, hein, para os amigos também.

Uma vez passado o Apelo de Maria, sobretudo se vocês estão nos Círculos de Fogo, se vocês partiram antes porque vosso corpo foi comido, ou se vocês são Absoluto, não há mais problema, mas nos Círculos de Fogo, mesmo se vocês  se reencontram em família, se posso dizer, vocês verão bem que vocês não têm mais os laços. Vocês não pensarão mais nisso. É por isso que vocês não podem confiar no que vocês conhecem para antecipar o Desconhecido ou para prepará-lo, vocês apenas podem vivê-lo.  Mas projetar que vocês vão viver com vosso marido, ou continuar a se encontrar do outro lado quando vocês estarão livres, é uma heresia. Não há nenhum laço que se mantenha na Liberdade, é a pessoa quem tem necessidade disso : a família, os filhos, o casamento, a sexualidade, o fato de comer e tudo. É o que eu falei, são os famosos hábitos sobre os quais vocês não podem nada, porque são os hábitos da matéria e do confinamento.

Outra questão.


Questão : no domingo de Pentecostes, antes de me levantar, eu reescutei Bidi. Sua voz me embalava, eu estava na Luz sombra. Eu me sentia flutuar sem me mover, o mental não se manifestou. Isso durou muito tempo pois Bidi tinha cessado de falar. Senti o lado esquerdo de meu corpo se comprimir para a direita. Abandonei-me a isso, nada perturbava esse presente vazio e eu me sentia em plenitude. Eu me sentia verdadeiramente em mim, o Amor preenchia tudo...

Bah sim, é perfeitamente isso...


Questão : quando eu abri os olhos, essa plenitude estava presente, com o mental totalmente ausente. Nem um único pensamento do dia.  Depois, a serenidade presente e eu observo meu mental que vem de tempos em tempos, sem se instalar verdadeiramente. Qual esclarecimento você pode trazer sobre essa vivência, e conselhos ao olhar do mental que retorna às vezes ?

Mas o mental, ele estará presente até o seu último sopro, hein, cara irmã ou irmão. Felizmente, sem isso como você queria fazer as coisas deste mundo ?  Sem mental, não é possível.  Mas, o fato de vê-lo, assinala que você não está mais identificado ao seu mental. E isso que você descreve como experiência, é o Absoluto, o que você quer que isso seja ? Sobretudo que retornando, você mantém esse estado.  Não é uma experiência, é o Absoluto.  Portanto isso foi suficientemente claro, e luminoso, o que foi vivido, uma vez que você constata os efeitos, no retorno, que duram. O que te permite ver seu próprio mental.  Mas nós jamais dissemos que o mental devia desaparecer para não mais reaparecer, ele desaparece para deixar-vos viver a Eternidade, mas depois não é mais o mental quem comanda e nesse momento vocês veem vosso mental em operação porque vocês não são mais o mental.  Se vocês são o mental, vocês não podem vê-lo.  Vocês veem a diferença ?

Então o mental tem uma tendência desagradável de se apropriar do que é vivido, mas neste caso, o mental não se apropriou, uma vez que esse irmão ou irmã nos disse que viu seu mental quando retornou.  Mas é necessário que você seja reassegurado, o mental estará sempre presente., e é uma vantagem.  Se não houvesse mental nenhum, você seria como Ma Ananda Moyi, deitado ou sentado em êxtase, todo o tempo, mas, não é a função que vocês têm.  É toda a diferença entre o irmão ou a irmã, que vai se aproximar da Luz, que vai viver o Si, que vive formas, cores, vibrações.  A consciência se expande.  Em um dado momento, a expansão dessa consciência vai desembocar em uma porta ; no Si vocês veem uma porta. Se a porta está aberta, como no sonho de há pouco, seja que vocês penetram, quando do desaparecimento, sem ver a porta, sem sentir e talvez, exceto o fenômeno de basculamento do corpo entre a esquerda e a direita, sensação de um lado mais retraído, ou mais amplo, ou mais vivo do que o outro lado, e aí vocês basculam na Infinita Presença.

Mas o resultado é profundamente diferente segundo como vocês vivem essa Infinita Presença e que vocês a aceitam.  Nesse momento, vocês constatam, no retorno, que vocês não são o mental quando ele se manifesta, que vocês não são o corpo, é claro. Então no outro caso o que é que vai se passar ? Vocês vão se apropriar das experiências em proveito do ego, e vocês não veem vosso mental. Vocês estão persuadidos de que vocês são vossos pensamentos, vossas ideias, vossos discursos e vossas palavras.  É toda a diferença entre os dois, hein.  Em um caso vocês estão leves e serenos, no outro caso, vocês estão pesados, no sentido figurado como no próprio sentido, hein.


Questão : é um sonho : com amigos, vou à casa de um homem que vive na floresta.  Na casa, os acabamentos não são de qualidade. Sobre a escada, estão coladas máscaras venezianas, mal acabadas e pouco estéticas ; a decoração parece ter sido estragada.  Meus amigos partem, eu permaneço com o proprietário e nós falamos da casa.  Ele me lembra que fui eu quem fez os trabalhos interiores ; eu tinha esquecido.  Eu parto e recebo uma chamada de minha mulher informando que ela não pode cuidar de nosso filho esta semana.  Eu lhe respondo que eu também não poderia. Quais esclarecimentos você pode trazer sobre esse sonho ?

Oh está muito confuso, há muitos elementos. Eu nem mesmo me lembro do que você disse no começo, um pouquinho.  Eu retive a noção de floresta,  e o que é surpreendente nesse sonho, é que a pessoa observa os defeitos, então que foi ela quem fez os defeitos, é maravilhoso.  Ora, a casa, é o que ?  É a intimidade.  A casa na floresta, uma vez que é uma floresta, é o lugar da vida misteriosa escondida e a origem da vida.  É ali onde os animais se escondem, é ali onde está o mistério ; a casa está na floresta. O que eu não chego a apreender, é essa noção dos defeitos que são vistos.  Os defeitos da casa, são a decoração, como foi dito, a aparência, a decoração, o que vai embelezar, não é ? E o que é que ele percebe : é que foi ele quem fez os trabalhos.

Então, isso quer dizer que em sua casa, e em sua apresentação, essa pessoa apresentou-se um dia um pouco mais agradável do que a verdade. Portanto, houve...e além disso ele falou de máscaras venezianas.  A máscara, é o ego. Mesmo se a máscara é bela, não é a verdade, é algo que se porta para não ser reconhecido.

Assim aí, há um esclarecimento que está prestes a se fazer.  Além disso, ele se refere a uma criança para cuidar, é a criança interior. Não é o filho ou a filha, é verdadeiramente a criança interior.  E aí vocês veem, no casal, os dois querem se desembaraçar de uma criança de um para o outro. Eles têm uma boa justificativa para não cuidar da criança interior. É a mesma coisa que a máscara, quer dizer é um irmão ou uma irmã a quem foi mostrado que em sua vida, ele está sempre na aparência, que ele sempre tentou se mostrar com uma máscara.  Estou desolado, mas é exatamente o que isso quer dizer, sobretudo com a casa na floresta.

Portanto esse sonho o convida a deixar cair todas as máscaras, a não mais desempenhar papéis, seduzir através das aparências, através dos enfeites. É isso que te foi mostrado.  Assim, é um convite a deixar todas as máscaras, a deixar todos os enfeites, a se apresentar nu e verdadeiro, e para isso, é necessário aceitar cuidar da criança interior.  Mesmo se a criança tem os cuidados de uma criança que realmente existe, no sonho, é sempre a criança interior.

Então o sonho, traduz as coisas que você não viu, ou seja todos os seus enfeites, todos os berloques, todas as bijuterias, todas as suas palavras, todos os seus gestos, que sempre são coloridos por uma forma de artifício. Não é o outro quem está em causa, é você. Então, ainda uma vez, não é grave, uma vez que isso foi visto, mesmo em sonho.  É um convite à espontaneidade da criança, à inocência da criança. Eis o que te foi mostrado nesse sonho.

A casa está na floresta, quer dizer o lugar onde a vida está escondida, e nessa casa, há as máscaras nas passagens, vocês se dão conta ?  As máscaras venezianas. Estão de algum modo no inconsciente, hein, não é totalmente consciente, isso não quer dizer que esse irmão ou irmã, faz deliberadamente, mas ele sempre considerou que era necessário portar máscaras, e acreditando que era ele.  Não é ele que se coloca uma máscara, ele mesmo é a máscara, quem o impede de ver a verdade, de ver sua criança interior que grita. Então haveria outras coisas, mas aí depois eu entro nas coisas mais íntimas e mais pessoais concernentes ao casal, entre aspas.

Assim, continuemos.


Questão: uma noite, tive crises violentas de angústia, meu mental se acelerava em cenas de pânico, meu coração batia de modo surdo, como golpes de marreta. No fim de três crises, eu amorteci esses golpes por um movimento de rotação de alto a baixo, em mim, o que me permitiu acalmar o mental e encontrar um apaziguamento. É a boa solução e é o que é chamado a reversão ?

Sim, perfeitamente, e você viu através de outros sonhos que foram explicados ou de fenômenos de acesso à bilocação ou da Eternidade, é exatamente a mesma coisa aqui. Segundo onde vocês estão, isso vos diz onde vocês estão. Há uma grande diferença entre aquele que vê seu corpo, quem vê a porta interdimensional, quem vê seu corpo levitar, tudo isso se passa na doçura, e aqueles que têm arrepios gelados à noite, ou quem tem sonhos de florestas, ou que descrevem isso, é exatamente a mesma coisa. Isso vos mostra onde vocês estão situados : ainda na pessoa, e isso vai dar-vos manifestações não muito agradáveis, ou já presentes no coração em totalidade, e vocês viverão essas coisas como no primeiro sonho, que são surpreendentes para vosso mental, mas que traduzem a Verdade, a verdade de vosso coração, enquanto que outros sonhos traduzem ainda uma certa forma de ilusão da verdade.  Porque há essa noção de sofrimento, de estremecimento, de temor, de angústia, de excesso do mental, ou de sonhos como esse, muito ricos.  Isso vos mostra onde vocês estão.  É necessário aceitar, não é um julgamento, porque assim que vocês o aceitam e vocês o veem, tudo muda. Mas se de início vocês pensam que vocês foram possuídos à noite, ou outra coisa, isso arrisca não mudar.

Outra questão, eu não irei mais longe nesta resposta.  Mas globalmente, agora através desses sonhos, mesmo se há uma explicação simbólica, mesmo se há uma explicação em vossa vida, o mais importante é isso, através desses processos que agora se desenrolam à noite, uma vez que é mais fácil à noite. Não é mais fácil para vosso personagem, mas é mais fácil para a Luz, para vossa eternidade.


Questão : « A marca ou o sinal na testa da besta será visível ». O que é essa marca ? O que será exatamente e ao que isso concernirá ?

Isso corresponde ao que disse são João : « Haverá muitos chamados e poucos escolhidos. Os chamados serão marcados na testa. »  Ai, eu creio que a pessoa, ela espera que ela tenha uma tatuagem que apareça ou alguma coisa física, mas « ser marcado na testa », é sentir sua testa, é a ativação da Coroa da cabeça, nada mais e nada menos.  O sinal da besta, será encontrado na mão.  Ser marcado na testa, é onde vocês são ungidos pelo Senhor, o sinal da bênção com o óleo santo. Isso faz de vocês um chamado, a Luz bate à porta. Então talvez abriram a porta da cabeça, mas depois, vocês sabem, é necessário abrir a porta do coração, que isso seja pela Onda da Vida, pelo Canal Mariano, pelo Fogo Ígneo ou pelas Teofanias.

Portanto ser marcado na testa é um processo energético. Aqueles que abriram os chakras do alto, a Coroa, antes mesmo que isso se torne a Coroa, vocês sentem a testa, a vibração sobre a testa. Alguns se fecham nisso, é a ilusão Luciferiana no poder, a predação e, como os Hindus chamam isso, são os poderes da alma, os siddhis.  Mas tudo isso, Buda vos disse : « Salve-se rápido quando você encontra isso », para não serem apanhados pelo ego espiritual.  Então o sinal da besta, será também na testa ou na mão, mas aí isso será físico e isso não tem nada a ver com o espiritual, são todos aqueles que aceitarão ser « microchipados ». Mas vocês não terão tempo de serem microchipados, felizmente.


Não há mais questões escritas. Resta um pouco de tempo para as questões orais.

Ah, de acordo. Então vamos, expressem-se.

Acredito que estão todos dormindo, hein...Não, escutei rir, Vamos.


Questão : por que  o Ancião dos Dias apresentou-se somente ontem ?

Porque isso faz parte do que é para viver agora. O nível de consciência do Ancião dos Dias, que não é uma consciência isolada, ela vos disse, hein, é o conjunto das consciências quem se expressa, é o Grande Espírito, se vocês querem, dos indígenas. Mas vejam, mesmo eles chamaram isso o Grande Espírito, então é um Grande Espírito, não é masculino. Assim ela escolheu esse nome, como você disse : Ancião dos Dias ? Isso está bem colocado.  Ao menos, ao menos vocês podem se referir a algo de conhecido.

Então é claro, há aqueles que conhecem os ensinamentos antigos, que vão nos dizer : « Sim, mas isso não existe, há apenas o Ancião dos Dias ». Mas justamente, ela se chama assim, por isso.  Ela jamais disse que ela era o Ancião dos Dias, mas sim a Anciã dos Dias. Então se vocês querem chamá-la o Eterno Feminino, o Feminino absoluto, pode-se encontrar dezenas de nomes, mas o importante era fazê-los viver essa espécie de densidade. Vocês a vivenciaram. É algo de diferente. A percepção que vocês tiveram, ontem, é uma das últimas percepções que acontecem quando vocês estão na Infinita Presença e vocês basculam, se posso dizer, na beatitude eterna. É a mesma qualidade de consciência, a mesma qualidade de vibração e de energia.

Aí está porque ela veio apenas ontem. Era necessário esperar que alguns processos desencadeados desde 8 de março chegassem à sua finalidade, quer dizer as Radiâncias Arcangélicas e em seguida as Teofanias. E depois do Pentecostes, bah certamente a semana do Pentecostes onde tudo se encerra. Portanto ela só podia intervir nesse momento.  Uma vez que falar sempre é fácil, mas o que é importante, vocês o sabem, não são as palavras, é a vibração.  Ora a vibração dessa consciência muito velha é o que mais se aproxima da última tela visível na Infinita Presença, exatamente antes do basculamento na escuridão. E aí, vocês estão em vocês.


Questão : nessa quinta-feira teve lugar a última Teofania Mariana. É também o último dia das Radiâncias Arcangélicas ?

Sim, certamente, acabou, depois ; vocês são autônomos, cuidem-se. Não sei mesmo se nós teremos a oportunidade de retornar...diga-se de passagem.


Questão : desde uma semana, eu escuto no ouvido esquerdo um som distante, como um tam-tam. Isso tem relação com o Ancião dos Dias ?

Não, isso tem uma relação com as Trombetas que chegam.  Todos vocês observaram, que o som se modifica em seus ouvidos, para aqueles que ouvem o som da alma e do Espírito. E de maneira quase permanente agora. Não, e o tam-tam que você escuta ao longe, não é o Ancião dos Dias, hein, são as Trombetas.  Então, é claro, é a memória da Terra, ela vos disse, eu creio, mas daí dizer que isso vem dela, não. Isso vem da terra, e do céu.


Questão : você pode nos dar outros exemplo de hábitos em função das linhagens, além dos Arturianos ou dos reptilianos ?

Oh bah é muito simples. Aqueles de Sírius, vocês os reconhecem : eles são doces, eles sempre são sensíveis, estão sempre prontos a ajudar, sempre são delicados, se posso dizer, às vezes até mesmo um pouco exasperantes em sua delicadeza.  Os répteis, é o inverso.  Eles têm necessidade, mesmo se é totalmente inofensivo, de sempre controlar tudo ao redor deles.  Ele vai vos perguntar se vocês se ocuparam de vosso animal, ele vai vos perguntar se vocês fecharam o gás. Ele tem a necessidade de controlar e de verificar. Assim se é vosso marido ou vossa mulher, é muito, muito enervante, hein, mas é uma constante.

Então evidentemente...o que é que eu posso vos dar além disso como exemplo para as linhagens importantes, hein ?  Não vou tomar as linhagens raras, mas por exemplo aqueles que são Vegalianos.  Os Vegalianos são os pedagogos, são um pouco como os Arturianos, eles têm necessidade de compreender, de tudo desmontar, neles, os mecanismos, ou de desmontar as máquinas que lhes caem nas mãos. Eles amam conhecer os mecanismos interiores.  Os Vegalianos estão mais voltados, quando estão encarnados na terra, na necessidade de ensinar, na necessidade de colocar em forma as coisas que eles vão dizer.

Então o que se tem mais...Os seres que têm uma linhagem que vem de Altair, por exemplo, são os seres que têm uma tendência para terem uma visão globalizante. Eles estão menos nos detalhes do que os Arturianos, quer dizer que eles percebem os detalhes através do quadro global enquanto que os Arturianos, eles entram em todos os detalhes, eles vão preocupar-se com minúcias enquanto eles não compreenderam tudo, vocês veem.

Sírius, é a Água o mais frequentemente, portanto é a emoção. A emoção magnificada mas assim mesmo a emoção.  É a mãe galinha, por exemplo, além disso as mães geneticistas vêm de lá.  Os répteis, são aqueles que vão controlar, que sempre têm necessidade de verificar tudo, e depois subrepticiamente, de sempre dar as ordens. São sempre apresentados, às vezes com elegância, mas são em geral os seres que sempre têm uma voz de comando e eles se servem disso sem perceber, o que é muito desestabilizante.

Então, o que há mais...Os Arturianos, os Vegalianos, eu não vou falar das coisas muito raras, hein, estou desolado, mas verdadeiramente não temos tempo.  Aí, eu vos dou as grandes linhagens. E além disso, se vocês querem, nesta terra, vocês todos têm, quase todos nós temos, não uma origem, mas uma linhagem de Sírius, é claro, mesmo se não é nossa origem estelar, mesmo assim vocês têm um pacote sagrado, eu não tenho uma cifra, mas aqueles que portam os genes reptilianos, mesmo redimidos, eles não podem se impedir de controlar tudo. Eles amam muito a ordem, sobretudo para os outros, hein, não para eles, portanto eles amam dar ordens, eles amam se ocupar. São eles os mestres da casa, enfim eles o creem.

Aí está, esse são os traços muito característicos. Vocês têm outros sistemas solares para me perguntar ?


Questão : os Pleiadianos ?

Ah, Os Pleiadianos, são os seres de palavra.  Eles não suportam que não se respeitem as palavras.  Eles são muito diplomatas. Eles sempre buscam aparar as arestas, às vezes em detrimento deles. Eles têm um lado, às vezes, muito luminoso, mas um pouco masoquista, hein. Eles têm o sentido da missão.

Qual outro ?


Questão : os Orionianos ?

Os o quê ?


Questão : Orionianos, os seres de Órion.

E quem te disse que os seres de Órion se chamam Orionianos ? É o que essa invenção ?  E os seres de Órion, isso depende de onde.  Uma vez que Sírius, vocês sabem que tem três sóis. Órion é uma constelação, não é um sol. Em Órion, vocês têm tanto os répteis, os Greys, como os Nephilim, como os Elohim.  Porque o que vocês chamam Órion, não é o que vocês veem daqui, mas é necessário especificar.  A constelação da Águia, por exemplo, é a estrela principal, é tudo.  Pelo contrário, para Órion, vocês têm as estrelas que estão muito distanciadas.  Vocês não podem dizer que vocês vêm de Órion e isso não vos dá a indicação, se vocês vêm de Bételgeuse, de Alnilam, de Mintaka ou de Rigel.  Não há uma característica comum.

Porque por exemplo, eu vos disse que os Nephilim que deixaram os Círculos de Fogo, eles vinham de Órion.  Mas é profundamente diferente dos Dracos de Órion.  E vocês veem a mistura ?  Hoje vocês têm as pessoas que vos dizem que tudo o que vem de Órion, é réptil, mas eles nada compreenderam. E além disso, vocês têm um monte de humanos que neste momento escrevem que Órion é negro, é negativo, que são apenas os seres sombrios, mas não de todo.  Portanto eu não posso responder, isso depende de onde, de Órion.  Se vocês vêm de Bételgeuse, vocês eram um Nephilim. Isso quer dizer, entre parênteses, que vocês estão aí desde 300.000 anos.  Muita coragem.


Questão : e aqueles de Alcyone ?

Alcyone, são as Plêiades, minha cara. Há seis estrelas, as sete irmãs das Plêiades. E há diferenças entre cada estrela.  Então é semelhante, quando vocês dizem « eu tenho uma origem pleiadiana », sim, mas de onde ?  Eu dei a característica global das Plêiades porque são sete irmãs, portanto elas são quase idênticas, contrariamente à Órion  que estão situadas nas dimensões e em distâncias colossais, mesmo se elas vos aparecem, do ponto de vista da terra, muito próximas, por exemplo no cinturão de Órion.  Vocês as veem assim, mas vocês não sabem se elas estão ao lado.  Por outro lado, para as Plêiades é diferente, porque aí, elas estão todas no mesmo, como vocês dizem, agrupamento energético, o que não é o caso para Órion.

Então não posso dizer mais nada sobre as Plêiades. Há pouco eu disse uma generalidade, porque são sete irmãs, mas vir de Alcyone ou de outra, das outras irmãs, isso não muda grande coisa, contrariamente à Órion.


Questão : os Andromedianos ?

Ah Andromedianos, estão muito, muito próximos do humano, mas livres. Eles têm as mesmas características que nós, humanos, quando estamos encarnados, um pouco maiores, hein.  E eles estão nas 3D unificadas. É além disso um lugar de acolhimento importante para aqueles que não têm nada a fazer entre os Arturianos, porque eles têm as memórias a descarregar, ou entre os Vegalianos, porque é sua origem estelar. Mas os Andromedianos são enormemente concernidos, após o Apelo de Maria, não antes hein, eles ainda não intervieram como os Vegalianos ou os Arturianos que intervêm de maneira diária agora.


Questão : Aldebarã ? Quais são os hábitos dos Andromedianos ?

Aldebarã, vocês estão sensivelmente nas mesmas características que o humano da Terra, não há verdadeiramente um marcador. Os mais marcantes, retenham, são aqueles dos quais já falei antes : o réptil, porque há muitos, portanto vocês veem muito bem o predador em ação, com sua voz de comandante, e quem está sempre a fazer semblante de se interessar por tudo o que vocês fazem, para possui-los de algum modo, hein.  Vocês têm as linhagens reptilianas também, é muito simples de ver.  Independentemente desse lado muito gentil, muito afável, mas que esconde o fato de que eles se misturam nas coisas que não os observam. E sobretudo, tentar tomar o domínio.

Então é menos marcante nas mulheres.  Entre as mulheres, isso vai ser mais sutil : elas vão tentar atrair vossa atenção, atrair vossa consciência... porque o réptil tem sempre a necessidade de ser admirado. Se ele está em um corpo humano também, com uma origem como essa, ele tem a necessidade de se fazer ver.  Ele tem a necessidade, porque ele se vê no olhar do outro, e se ele não se vê no olhar do outro, sobretudo se é uma mulher, é terrível.  Ela crê que ela não é amada, que ela não é digna de interesse.  Portanto são os seres que estão em uma forma de manipulação. Vocês sabem,  eles vão tomar-vos pelo braço, conduzi-los à parte, eles vão sem parar tentar atrair, pelas palavras, ou olhares, ou uma roupa, vossa atenção.  Entre os homens, é diferente, é muitas vezes a voz de comando.  E Sírius, homem e mulher, também, é diferente.

Eu creio que meu amigo de Sírius, que está aí na frente.  Vocês sabem, são aqueles que sempre vivem as coisas incríveis, mas sempre querem conduzi-las à sua pequena pessoa.  E depois os répteis, pelo contrário, eles, são outra coisa. Eles têm uma espécie de fascinação pelos dragões.  É normal, são as mesmas famílias. Não é uma família no sentido humano, eu disse há pouco, mas é uma filiação, uma ressonância, se vocês preferem.  Aí está, mas como linhagens mais frequentes, são essas, das quais eu falei no início, vocês já têm um belo quadro do que vos rodeia.


O tempo acabou.

O tempo acabou. Então, eu vou deixá-los fazer vosso repouso. Eu não vos digo tchau, eu vos digo até daqui a pouco para a sequência.




***


Tradução do Francês: Ligia Borges
https://lestransformations.wordpress.com/2017/06/05/o-m-aivanhov-qr-partie-3-juin-2017/



PDF (Link para download) : OM Aïvanhov - Parte 3B - QR - Junho 2017


9 comentários:

  1. Tudo será regenerado, mas não na mesma dimensão, é a fraude. Portanto, se vocês dizem não, se vocês não estão ao corrente, se vocês não aceitam o fim – vosso fim -, e o fim deste sistema, como vocês querem encontrar o Desconhecido ?
    .........
    ...e, como eu disse, é um processo de extinção global, não é simplesmente a chegada de Nibiru, a parada de rotação da Terra, e tudo recomeça como antes. Não há nada que recomeça. Isso recomeça durante os 132 dias e é tudo.
    .........
    Se vocês são o mental, vocês não podem vê-lo. Vocês veem a diferença ?
    .........
    Mas vocês não terão tempo de serem microchipados, felizmente.

    ResponderExcluir
  2. no coração do coração
    Rendo agraças

    ResponderExcluir
  3. Triste saber q uma parte dos nascimentos de hoje são de portais orgânicos.

    ResponderExcluir
  4. Não, e o tam-tam que você escuta ao longe, não é o Ancião dos Dias, hein, são as Trombetas. Então, é claro, é a memória da Terra, ela vos disse, eu creio, mas daí dizer que isso vem dela, não. Isso vem da terra, e do céu.
    *******
    Caros Amigos e Amigas, o enigma do
    "bate estacas" finalmente foi decifrado. A meses venho com este som e, no início era um eterno questionamento depois ficou banalizou. Ontem ao ler Aïv senti um alívio e ao mesmo tempo uma apreensão, a história (plagiado Egidio) virava fato real. Tá batendo na porta, logo, logo Gaia deixa ele (som) entrar e que A Presença nos mantenha firmes e resolutos.
    OHGLORIA, OHGLORIA, OHGLORIA!!




    ResponderExcluir
  5. Imigos e amigas, já pesquisei e não entendi direito o que são portais orgânicos. Sei que não têm alma, mas nascidos de quem? São os gerados(híbridos) com os óvulos/esperamos humanos ( c/alma) que são abduzidos?? Os portais orgânicos tbm geram outros portais?? Ou são introduzidos nos úteros sem que saibamos? Talvez nada disso. Como estamos no tempo de verdades quem tiver algo a dizer, gostaria de saber.
    Qual sua opinião Egídio? Fique a vontade para publicar, Ok??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, OHGLORIA, diria que essa história de portais orgânicos foi uma surpresa grande para todos nós. Considerando que foi o Aïvanhov quem nos falou a esse respeito, não custa nada levar isso em conta (rs). Pelo que entendi, trata-se de criações arcônticas, bem a serviço da matriz falsificada, sendo mesmo representantes dos mais fiéis ao modus operandi desse mundo, tão caracterizado por espertezas, mentiras e violências, por exemplo (rs). Quanto ao nascimento, parece que pode ser a revelia dos pais, sim. Aliás, quando na encarnação o fato é que não se sabe de muita coisa, mesmo dos próprios filhos, e mesmo de nós mesmos. Enfim, os donos dessa dita matriz dissociada podem muita coisa neste mundo que se finda, ao ponto de conseguirem intensificar até o nascimento de tais portais, no dizer recente do Aïva, mesmo quando sequer existe o famoso plano astral, com seu sistema normal de encarnações. Mas, isso não é grave, talvez (rs), pois quem for tão casado com esse falso mundo, pode até encontrar uma boa justificativa para a própria morte, e não morrer tão mal.

      Excluir
    2. Minha companheira e amiga(esposa), é professora, ela tem observado crianças estranhas, estive conversando com ela, o que ela viu de diferente, se ela poderia definir??... Ela resumiu em poucas palavras... Essas crianças tem outro tipo de energia, ela sente a gente sente estando próximo, ela desejava apenas se afastar delas, por mais que sejam crianças, eles não apresentam a pureza e a energia da verdadeira criança. Também procuro entender com o coração quais são os seres portais orgânicos? Mas creio que minha irmã da luz já definiu eles... São os híbridos humanos, são os fabricados em laboratórios subterrâneos, são os que recebem medicamentos e outros para alterar o DNAs de forma negativa , são os das linhagens reptilianas que chegam na terra, são aqueles orientados, educados por outros portais orgânicos... Muitas vezes os Pais são vítimas destes seres... Então acredito que o próprio ser humano, ou casal que nada tem relação com estes seres, acaba por gerar e criar essa forma de vida sem alma. Lembrando que o Pai e a Mãe perdem o controle sobre essa espécie de indivíduo e tal descontrole atinge toda sociedade.

      Excluir
    3. Sim. É exatamente isso. Como nos explicou Aivanhov, são seres desprovidos de alma e espírito.sao apenas seres biológicos.extremamente inteligentes.sao,por palavras dele,piores q uma ameba.predadores por natureza.sao facilmente manipulados pelo sistema de controle do mental humano.seguem ordens e sentem prazer com o sofrimento dos humanos.

      Excluir